Repositório Digital

A- A A+

Da exclusão à exposição: narrativas expográficas do Memorial do Hospital Colônia Itapuã - RS

.

Da exclusão à exposição: narrativas expográficas do Memorial do Hospital Colônia Itapuã - RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Da exclusão à exposição: narrativas expográficas do Memorial do Hospital Colônia Itapuã - RS
Autor Medeiros, Helena Thomassim
Orientador Teixeira, Vanessa Barrozo
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Curso de Museologia: Bacharelado.
Assunto Hospital Colônia Itapuã
Memória institucional
[en] Expographic narrativs
[en] Museology
Resumo O presente trabalho objetiva analisar as narrativas expográficas do Memorial do Hospital Colônia Itapuã, assim como pontuar outras exposições que abordaram o Hospital Colônia Itapuã realizadas na região metropolitana de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Este estudo tem como meta investigar quais são as representações, presentes nas narrativas expográficas, no que tange a esta instituição. Apresenta-se um panorama sobre a trajetória da doença hoje conhecida como hanseníase e desta instituição, que faz parte do imaginário local enquanto representante do método de tratamento desta enfermidade no começo do século XX. Visa-se legitimar este ambiente enquanto patrimônio e lugar de memória, a partir da análise da expografia concebida pelo Memorial, trabalhando-o dentro da perspectiva da Museologia. A fim de estabelecer os conhecimentos necessários para esta pesquisa fez-se o uso de entrevistas com funcionários envolvidos no processo de construção das exposições, assim como da análise de documentos derivados das mesmas e do uso de bibliografia específica. A abordagem mais aprofundada se dá no que tange ao Memorial, objetivando compreender seu desenvolvimento, as escolhas realizadas e o papel social que esta e as demais exposições buscam cumprir, divulgando e conscientizando a população sobre a hanseníase e a história do Hospital.
Abstract This work consists of an analysis of expographic narratives of the Memorial of Hospital Colônia Itapuã, also showing others exhibitions which approached the Hospital Colônia Itapuã, performed in the metropolitan region of Porto Alegre, Rio Grande do Sul. This study aims to investigate what are the representations, present in the expographic narratives, regarding that institution. It is presented a panorama about the Hansen’s disease and the institution's trajectory, which is part of the local imaginary as representative of the treatment method of the illness in the 20th century. Aims to legitimate this place as heritage and place of memory, through the analysis of the expography conceived by the Memorial, analysing it in the perspective of Museology. In order to stabilish the necessary knowledges to this research, interviews with staff envolveds in the process of maiking the exhibition were made, as also the analyse of documents derivated from it and the use of especific bibliography. The deeper approach happens in what is told about the Memorial, with the objective of understanding the development of it, the choices made and the social functions that it and others exhibitions search to accomplish with society , promoting and educating the population about the Hansen's disease and the Hospital's history.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/134702
Arquivos Descrição Formato
000987213.pdf (7.754Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.