Digital Repository

A- A A+

Avaliação da aprendizagem e inclusão escolar : trajetórias nos ciclos de formação

DSpace/Manakin Repository

Avaliação da aprendizagem e inclusão escolar : trajetórias nos ciclos de formação

Show full item record

Statistics

Title Avaliação da aprendizagem e inclusão escolar : trajetórias nos ciclos de formação
Author Christofari, Ana Carolina
Advisor Baptista, Cláudio Roberto
Date 2008
Level Master
Institution Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Subject Avaliação da aprendizagem
Ensino por ciclos
Ensino público municipal
Inclusão escolar
Porto Alegre (RS)
Prática pedagógica
[es] Ciclos de formación
[es] Educación especial
[es] Evaluación del aprendizaje
[es] Inclusión escolar
Abstract in Portuguese Esta pesquisa apresenta a análise dos processos de avaliação da aprendizagem associados aos movimentos de inclusão escolar e a organização curricular por Ciclos de Formação. A pesquisa ocorreu em uma escola da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre e teve como elementos desencadeadores a busca de compreensão dos procedimentos e critérios que comumente são considerados orientadores da prática da avaliação da aprendizagem. A investigação, do tipo qualitativa, envolveu ações como: observações do cotidiano escolar, análise dos relatórios descritivos de avaliação individual dos alunos e dossiês, participações em reuniões pedagógicas e Conselhos de Classe, entrevista semi-estruturada, construção de um Diário de Campo e análise de documentos internos da escola, assim como análise de documentos legais relativos à organização educacional da Rede em questão. Os estudos que constituem esta pesquisa encontram-se em consonância com os fundamentos teóricos da pedagogia dialógica e da abordagem histórico-cultural. Nesse sentido, predomina uma concepção de avaliação como processo que envolve a participação de todos oferecendo informações sobre o ensino e a aprendizagem que podem auxiliar na qualificação da prática pedagógica. A pesquisa possibilita inferir que, por um lado, os professores consideram que a avaliação da aprendizagem precisa ser uma prática diária processual e investigativa. Buscam construir uma avaliação em consonância com esses pressupostos por meio de ações que consideram o aluno como parâmetro de si mesmo. Por outro lado, rituais e procedimentos típicos de um ensino mais tradicional permanecem presentes nas práticas pedagógicas indicando possível intenção de homogeneização das ações e ritmos de aprendizagem dos alunos. Com este estudo, é possível considerar que as práticas pedagógicas movimentam-se entre continuidades de processos avaliativos historicamente classificatórios e tentativas de ruptura com essa prática considerada inadequada para construir um ensino em consonância com a perspectiva da inclusão escolar.
Resumen Esta pesquisa presenta un análisis de los procesos de evaluación del aprendizaje, asociados a los movimientos de inclusión escolar y la organización curricular por Ciclos de Formación. La pesquisa ocurrió en una escuela de la Red Municipal de Enseñanza de Porto Alegre y tuvo como elementos desencadenadores la búsqueda de comprensión de los procedimientos y criterios que comúnmente son considerados orientadores de la práctica de la evaluación del aprendizaje. La investigación, del tipo cualitativo, envolvió acciones como: observaciones del cotidiano escolar, análisis de los relatorios descriptivos de evaluación individual de los alumnos y fichas, participaciones en reuniones pedagógicas y Consejos de Clase, entrevista semi-estructurada, construcción de un Diario de Campo y análisis de documentos internos de la escuela, así como análisis de documentos legales relativos a la organización educacional de la Red en cuestión. Los estudios que constituyen esta pesquisa se encuentran en consonancia con los fundamentos teóricos de la pedagogía dialógica y del abordaje histórico-cultural. En ese sentido, predomina una concepción de evaluación como proceso que envuelve la participación de todos ofreciendo informaciones sobre la enseñanza y el aprendizaje que pueden auxiliar en la calificación de la práctica pedagógica. La pesquisa posibilita inferir que, por un lado, los profesores consideran que la evaluación del aprendizaje precisa ser una práctica diaria procesual e investigativa. Buscan construir una evaluación en consonancia con esas presuposiciones por medio de acciones que consideran el alumno como parámetro de si mismo. Por otro lado, rituales y procedimientos típicos de una enseñanza más tradicional permanecen presentes en las practicas pedagógicas indicando una posible intención de homogenización de las acciones y ritmos de aprendizaje de los alumnos. Con este estudio, es posible considerar que las prácticas pedagógicas se mueven entre continuidades de procesos evaluativos históricamente clasificatorios e intentos de rupturas con esa práctica considerada inadecuada para construir una enseñanza en consonancia con la perspectiva de la inclusión escolar.
Type Dissertation
URI http://hdl.handle.net/10183/13506
Files Description Format View
000649203.pdf (576.2Kb) Texto completo Adobe PDF View/Open

This item is licensed under a Creative Commons License

This item appears in the following Collection(s)


Show full item record

Browse



  • The author is the owner of the copyrights of the documents available in this repository and is prohibited under the law, the marketing of any kind without prior authorization.
    Graphic design by Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.