Repositório Digital

A- A A+

Percepção de espaços abertos de duas escolas públicas após a aplicação de método de design participativo

.

Percepção de espaços abertos de duas escolas públicas após a aplicação de método de design participativo

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Percepção de espaços abertos de duas escolas públicas após a aplicação de método de design participativo
Autor Ruivo, Katia Regina
Orientador Fedrizzi, Beatriz Maria
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil.
Assunto Design participativo
Educação ambiental
Escola rural
Percepcao ambiental
[en] Agricultural school
[en] Children
[en] Environmental education
[en] Environmental perception
[en] Participatory design
[en] Schoolyards
Resumo Duas escolas públicas de ensino fundamental, localizadas na zona rural das cidades de Camaquã e Sertão Santana-RS, tiveram seus pátios modificados através de um método de design participativo, constituindo os Estudos de Caso avaliados nesta dissertação. Objetivo: estudar as mudanças ocorridas no comportamento de crianças, usuárias desses espaços abertos, através de sua percepção e a de professores, diretores e funcionários. Tal avaliação foi feita através da identificação de alterações no comportamento das crianças durante o período do recreio e dentro de sala-de-aula, bem como melhorias no relacionamento entre os membros da comunidade escolar. Método: um questionário contendo 13 perguntas abertas foi confeccionado. As entrevistas foram realizadas pessoalmente em uma sala separada, gravadas e posteriormente transcritas. Para cada entrevista realizada, foram identificadas palavras-chave, as quais foram agrupadas de acordo com a similaridade de significado, formando categorias de respostas. Para a tabulação dos dados, gráficos foram confeccionados e posteriormente analisados através do Método de Estatística Descritiva. Resultados: a modificação do pátio tendo a comunidade escolar como participante ativa de todo o processo, trouxe maior qualidade de vida para seus usuários, principalmente para os alunos, os quais demonstraram satisfação com as melhorias implantadas no pátio escolar, incluindo locais para descanso, lazer e convívio social. O antigo pátio, sujo, mal-cuidado, carente da presença de vegetação e sem graça, deu lugar a um ambiente agradável e atraente, onde as crianças podem brincar mais, explorar, sentar e conversar, desenvolvendo suas habilidades, vencendo desafios e construindo a sua identidade pessoal. As crianças se sentem valorizadas pela escola e orgulhosas pelo trabalho que realizaram, se comprometendo profundamente com o trabalho de conservação. Conclusão: a reorganização do pátio proporcionou a ampliação do plantel de jogos e brincadeiras disponíveis para os alunos. Não existe mais disputa por brinquedos e por espaço, nem ociosidade entre eles. Existe sim, mais diversão, cooperação, interação, amizade e respeito, inclusive entre os diferentes sexos e faixas etárias. Observou-se menos correria, agitação e conflito entre as crianças. Desta forma, o ato de ir à escola e o de aprender deixaram de ser uma estafante obrigação e se tornaram um prazer.
Abstract Two public primary schools, located in the agricultural zone of the cities of Camaquã and Sertão Santana-RS, had theirs schoolyards modified through a design with user participation method, constituting the evaluated Case Study in this dissertation. Objective: to study the occurred changes in the quality of live of children, users of these opened spaces, through theirs perception, and the perception of teachers, principals and employees. Such evaluation was made through the identification of alterations in the children’s behavior during the playtime and inside classroom, as well as improvements in the relationship between school community members. Method: a questionnaire containing 13 open questions was elaborated. The interviews were carried out personally in a private room, recorded and transcribed. For each interview, were identified key-words being grouped according to similar meanings, organizing answers categories. Graphics were made with the data and after analyzed through Descriptive Statistic Method. Results: the schoolyard modification with active participation of school community during all process, brought better quality of life to its users, mainly to students, that showed satisfaction in relation to improvements introduced into schoolyard, including places for rent, leisure and social relations. The Schoolyard, dirty, ill-cared, with little vegetation, and graceless, was replaced for a pleasant and attractive environment, where children can play more, explore, seat and talk, developing their abilities, winning challenges and constructing their personal identity. Children feel precious by school and proud for work that they made, and deeply compromise themselves with maintaining work. Conclusion: the schoolyard reorganization offered amplification of the opportunities of games and plays available for students. There is no more dispute for toys and for space, neither laziness between them. There is more fun, co-operation, interaction, friendship and respect, including between different sexes and ages. We observed less running, excitement and conflict between children. Thus, the act to go to school and to learn left to be a fatiguing obligation and became a pleasure.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/13510
Arquivos Descrição Formato
000648991.pdf (18.55Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.