Repositório Digital

A- A A+

Representação gráfica do tempo : efeito de gráficos na compreensão e retenção dos significados do Present Perfect e do seu contraste com o Simple Past

.

Representação gráfica do tempo : efeito de gráficos na compreensão e retenção dos significados do Present Perfect e do seu contraste com o Simple Past

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Representação gráfica do tempo : efeito de gráficos na compreensão e retenção dos significados do Present Perfect e do seu contraste com o Simple Past
Autor Foohs, Marcelo Magalhães
Orientador Tarouco, Liane Margarida Rockenbach
Co-orientador Axt, Margarete
Data 2005
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Informática na Educação.
Assunto Aprendizagem
Informática na educação
Representação gráfica
Tempo
[en] Cognitive sciences
[en] Communication mediated by computers
[en] Distance learning
[en] Multimedia learning
[en] Present perfect
[en] Simple past
Resumo Este trabalho tem como propósito examinar o efeito da representação gráfica do tempo como meio para facilitar a construção de um esquema mental capaz de acomodar os usos do Present Perfect e de seu contraste com o Simple Past em um módulo de língua inglesa mediado por computador. O Present Perfect constitui-se, reconhecidamente, em um problema para professores e alunos de língua inglesa. Dowty (1979) observa que, “com exceção do progressivo, nenhum outro tempo da língua inglesa recebeu mais atenção dos lingüistas do que o Present Perfect e mesmo assim não há um consenso geral no que se refere à sua estrutura semântica.” Dois estudos foram realizados (2003 e 2005) nos quais os participantes foram distribuídos aleatoriamente em uma de duas condições experimentais: (1) Somente texto e (2) Texto+Gráficos. No segundo estudo foram incorporados gráficos interativos, seguindo a recomendação de Peeck (1993) e o princípio de interatividade de Mayer (2002). Os dados coletados através de um pré-teste, pósteste imediato e pós-teste deslocado, foram analisados através de análises de variância (ANOVAs) de um fator e análises de variância para medidas repetidas. Os resultados das ANOVAs, aliados às respostas de um questionário aplicado logo após o pós-teste imediato sugerem que os tratamentos tiveram pouca influência na compreensão e retenção de informações a curto prazo; o princípio de fatiamento de Sweller (1988), utilizando o modelo temporal de Declerck (1986) e o modelo aspectual de Godoi (1992), aliado com o princípio de multimídia da teoria de aprendizado por multimídia de Mayer (2002), mostraram-se eficazes na compreensão e retenção a longo prazo dos usos e contrastes entre o Present Perfect e o Simple Past; e a inclusão de gráficos interativos no estudo de 2005, serviu para diminuir a confusão causada pelos gráficos estáticos, ocorrida no estudo de 2003.
Abstract The present study examined the effect of graphical representation of time in facilitating both interpretation and construction of schemata capable of accounting for the uses of the Present Perfect and its contrast with the Simple Past in an English intermediate course mediated by computer. The English Present Perfect is a wellknown troublemaker for EFL/ESL teachers and learners. Dowty (1979) observes that, “aside from the progressive, no English tense has received more attention from linguists and yet eluded a convincing analysis so completely as the Present Perfect.” Two studies were carried out (2003 and 2005) in which the students were randomly distributed between two treatments: (1) Text only and (2) Text+Graphics. In the second study, interactive graphics were added, following Peeck’s (1993) advice to improve active learning and Mayer’s (2002) interactivity principle to give students more control over the material. The data collected in the pre-test, immediate post-test and delayed post-test were analyzed through analyses of variance (ANOVAs) of one factor and repeated measures ANOVAs. The results of the ANOVAs, together with the answers of the questionnaire applied right after the immediate post-test, suggest that the treatments had low influence over the comprehension and retention of information for the immediate post-test; Sweller’s (1988) chunking principle, utilizing Declerck’s (1986) temporal model and Godoi’s (1992) aspectual model, allied with Mayer’s (2002) principle of multimedia, were effective to promote long lasting comprehension and retention of the uses of the Present Perfect and its contrast with the Simple Past; the inclusion of interactive graphics in the second study (2005), was effective to diminish the confusion caused by the static graphics utilized in the first study (2003).
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/13521
Arquivos Descrição Formato
000634309.pdf (2.268Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.