Repositório Digital

A- A A+

Experiências de crianças sobre gratidão

.

Experiências de crianças sobre gratidão

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Experiências de crianças sobre gratidão
Autor Prestes, Andressa Carvalho
Orientador Freitas, Lia Beatriz de Lucca
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Curso de Psicologia.
Assunto Criança
Desenvolvimento moral
Gratidão
[en] Children
[en] Development
[en] Gratitude
[en] Virtues
Resumo A gratidão pode emergir quando uma pessoa, o beneficiário, recebe uma boa ação de outra, o benfeitor. Estudos indicam que essa virtude pode ser desenvolvida desde a infância, gerando benefícios às pessoas e à sociedade. Para tanto, é preciso conhecer a realidade das crianças, isto é, suas próprias experiências em relação ao tema. Assim, este estudo visa analisar a forma como as crianças experienciam gratidão, investigando-se de que maneira elas compreendem, descrevem e o que sentem e/ou fazem em situações nas quais são beneficiadas por outras pessoas. Participaram do estudo doze crianças de 8 e 9 anos de idade, que responderam individualmente a uma entrevista semiestruturada sobre gratidão. Realizou-se uma análise de conteúdo seguindo o modelo misto de categorização, utilizando-se o software NVivo 10 para Windows. Os dados indicam que as crianças geralmente retribuem as boas ações recebidas, embora possa haver certa variação na expressão da gratidão frente a benfeitores distintos. Constatou-se que a sala de aula pode ser um contexto fértil para a manifestação da gratidão. A discussão dos resultados indica questões para futuras pesquisas e fornece material para estudos e programas educativos a serem realizados com crianças.
Abstract Gratitude may arise when a person, the beneficiary, receives a good action from another, the benefactor. Studies suggest that this virtue may be developed from childhood onwards, creating benefits for people and society. In order to attain this it is necessary to understand children’s reality—that is, their own experiences relevant to the topic. This study therefore aims to study the ways in which children experience gratitude, investigating how they understand, describe, and feel and/or do in situations in which they are helped by other people. Twelve 8- to 9-year-old children participated in this study, responding individually to a semi-structured interview about gratitude. A content analysis, using the mixed model of categorization, was conducted, using the NVivo 10 software package for Windows. The data indicate that the children generally repaid the good actions they had received, although there was variation in the expression of gratitude depending on different types of benefactors. The classroom could be a fertile context for the expression of gratitude. The discussion of the results points to questions for future research and provides material for studies and educational programs that could be conducted with children.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/135424
Arquivos Descrição Formato
000988737.pdf (587.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.