Repositório Digital

A- A A+

Educação e promoção da saúde no pré-natal

.

Educação e promoção da saúde no pré-natal

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Educação e promoção da saúde no pré-natal
Autor Borges, Viviane Paz
Orientador Moretto, Virgínia Leismann
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Assistência à saúde
Cuidado pré-natal
Educação em saúde
Gravidez
Promoção da saúde
Resumo A educação em saúde visa proporcionar ao indivíduo, maior autonomia e participação na assistência que lhe é oferecida, capacitando-o e incentivando-o para o auto-cuidado, em prol de uma saúde coletiva de qualidade e construtivista. Este estudo tem como objetivo identificar na literatura qual a produção de estudos sobre promoção e educação da saúde durante a atenção pré-natal. Trata-se de uma revisão integrativa (RI) de pesquisa. A amostra foi constituída por 37 artigos, extraídos no sítio da BIREME e indexados nas bases de dados LILACS, LILACS Express, BDEnf, MEDLINE, IBECS e INDEX Psicologia, no período de 2010 a 2015. No cruzamento dos descritores se obteve 202 resumos publicados entre os anos de 2010 e 2015. Após serem aplicados os critérios de inclusão e exclusão, foram selecionados 37 artigos dentro do que se refere ao que existe disponível na literatura sobre educação e promoção da saúde no pré-natal. Com isso, foi possível realizar a síntese e comparação das publicações onde os autores definiram diferentes objetivos a serem alcançados dentro da temática educação e promoção da saúde no pré-natal. Dos 37 artigos analisados, oito tinham como objetivo principal à amamentação, sete abordavam o conhecimento deficiente das gestantes e puérperas e a assistência inadequada prestada pelos profissionais de saúde, cinco mostravam as diferentes dinâmicas adotadas como estratégia para a construção do conhecimento, quatro trabalhavam a questão de preparação para o parto, três discutiam a importância do vínculo e os problemas gerados pela falta dele, dois enfatizavam a questão nutricional, outros dois contemplavam a saúde bucal como grande importância a ser considerada no pré-natal. DST, sexualidade, métodos contraceptivos, higiene perineal, gestação de alto risco e participação da família em todo o processo que compreende o ciclo gravídico, totalizou apenas um artigo para cada um destes temas mencionados. Por meio da análise, foi possível avaliar que a maior parte dos estudos encontrados nesta RI abordam muito mais problemas relacionados a falta ou inadequação da promoção e educação em saúde no pré-natal do que a resultados satisfatórios.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/135527
Arquivos Descrição Formato
000987931.pdf (914.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.