Repositório Digital

A- A A+

A chama que arde em nossos clubes! : a corrida de revezamento do fogo simbólico da pátria em Porto Alegre (1938-1947)

.

A chama que arde em nossos clubes! : a corrida de revezamento do fogo simbólico da pátria em Porto Alegre (1938-1947)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A chama que arde em nossos clubes! : a corrida de revezamento do fogo simbólico da pátria em Porto Alegre (1938-1947)
Autor Silva, Luís Henrique Rolim
Orientador Mazo, Janice Zarpellon
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano.
Assunto Clubes esportivos : Historia
Corrida : História
Esportes : História
Jogos olímpicos
[en] Invented traditions
[en] National flame
[en] National identity
[en] Olympic games
[en] Sports clubs
[en] Torch relay
Resumo A ‘Corrida de Revezamento do Fogo Simbólico da Pátria’ – CFS – é uma prática cultural que marca o início das comemorações da ‘Semana da Pátria’ em Porto Alegre no final da década de 1930. A partir de 1938, a CFS foi editada anualmente pela Liga de Defesa Nacional (LDN) com o apoio de dirigentes esportivos porto-alegrenses. Foram esses dirigentes que idealizaram a CFS em Porto Alegre, após assistirem a “Corrida de Revezamento da Chama Olímpica” na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Berlim em 1936. Este estudo busca compreender a participação dos clubes esportivos porto-alegrenses na construção de representações da identidade nacional brasileira através da invenção da ‘Corrida de Revezamento do Fogo Simbólico da Pátria’ no período de 1938 a 1947. Para tanto, utilizaram-se fontes impressas e orais. As fontes impressas primárias se restringem aos documentos e obras da LDN; entre as principais fontes impressas secundárias estão a Revista do Globo e o jornal Correio do Povo. Foram realizadas duas entrevistas que constituem as fontes orais. A Corrida de Revezamento do Fogo Simbólico da Pátria (1938-1947) foi uma tradição inventada em Porto Alegre, institucionalizada pela LDN com o apoio social feito pelos clubes esportivos. A justificativa de sua realização se deu através de ligações históricosagradas e sua fixação através da repetição anual nas cidades. A CFS buscava engendrar ‘valores’, associados à construção da identidade nacional brasileira. Dessa forma produziu no imaginário porto-alegrense a representação de coesão e unidade nacional em razão do formato de percorrer a nação e ter como ponto de culminância sempre a cidade de Porto Alegre. No contexto esportivo, produziu a representação de que os clubes esportivos identificados como ‘estrangeiros’ foram ‘abrasileirados’ devido à participação de dirigentes esportivos e atletas na CFS.
Abstract The 'Nation Torch Relay' – NTR – it is a cultural practice that marks the beginning of the celebrations from 'Nation’s Week’ in Porto Alegre city by the 1930's end. From 1938, the NTR has annually been edited by the National Defense League (NDL) with portoalegrenses sports leaders support. There were those leaders who idealized the NTR in Porto Alegre, after they watched the "Olympic Torch Relay" at Berlin Olympic Games opening ceremony in 1936. This study aims to understand the participation of portoalegrenses sports clubs in the construction of representations from the Brazilian national identity through the invention of the 'Nation Torch Relay' in the period from 1938 to 1947. For this purpose, printed and oral sources were used. The printed primary sources are limited to NDL’s documents and works; among the main printed secondary sources are Globo’s Magazine and Correio do Povo newspaper. There were two interviews, which are the oral sources. The ‘Nation Torch Relay’ (1938-1947) was an invented tradition in Porto Alegre city, institutionalized by NDL with social support from the city’s sports clubs. The justification of its achievement was made by historical and sacred’s links and its fixation through annual repetition in the cities. The NTR aimed to pass 'values'; and they were associated to the construction of Brazilian national identity. Thus, it produced in the porto-alegrense imagination, the representation of national cohesion and unity because of the way it roams about the nation and has as a point of culmination Porto Alegre city. In the sports context, it produced the representation that sports clubs identified, as 'foreigners', were 'adopted Brazilian ways and manners' due to athletes and sports leaders participation in the NTR.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/13810
Arquivos Descrição Formato
000655500.pdf (3.762Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.