Repositório Digital

A- A A+

Interferências entre transposições : (uma poética pictórica de acumulação e adensamento de imagens videográficas)

.

Interferências entre transposições : (uma poética pictórica de acumulação e adensamento de imagens videográficas)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Interferências entre transposições : (uma poética pictórica de acumulação e adensamento de imagens videográficas)
Autor Mello, Ricardo Perufo
Orientador Disconzi, Romanita
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Artes. Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais.
Assunto Arte : Imagem
Arte contemporânea
Fotografia : Imagem
Linguagens imagéticas : Arte
Poeticas visuais
Resumo A presente pesquisa contempla a produção pictórica individual do período de 2005 a 2007, assim como uma reflexão teórica abordando conceitos e referências capazes de servirem de aporte ao registro conceitual desse processo poético. A partir da instauração desse trabalho pictórico proponho uma investigação poética visual referente às interferências existentes nas transposições entre a linguagem imagética do vídeo para a pintura. Transposições essas que trazem implicações semânticas evidenciadas pelo crescente distanciamento perceptivo, e diluição, do conteúdo contido nas imagens inicialmente apropriadas. Todas as pinturas foram executadas em um suporte metálico, com tamanhos idênticos de 94 x 194 cm, o único meio empregado foi o de tinta acrílica. Sua aparência geral é dúbia, remetendo alusivamente à imagem fotográfica de um filme cinematográfico exibido pela televisão. Porém, possuem um caráter dessaturado, desbotado, que rompe visualmente com a estrita ilusão fotográfica de profundidade. No ínterim da elaboração textual que se deu paralelamente ao processo poético foram buscados conceitos teóricos de percepção imagética do meio cinematográfico (AUMONT, BENJAMIN), fotográfico (VIRILIO, BARTHES, SONTAG, DUBOIS), videográfico (MACHADO) e da pintura (FISCHER, LASCH, TASSINARI, MCCARTHY, LUCIE-SMITH, DANTO), assim como referenciais históricos (Neo-Impressionismo, Arte Pop, Fotorealismo) englobando aí alguns artistas pontualmente representativos desses movimentos assim como outros que não se identificam a priori com nenhum movimento (Georges Seurat, Andy Warhol, Roy Lichtenstein, Richard Estes, Chuck Close, Gerhard Richter e Amílcar Packer). Todos esses dados foram paulatinamente cotejados com a prática de ateliê, procurando-se assim garantir também a continuidade do processo e sua permanência no contexto contemporâneo.
Abstract This research project comprises my personal pictorial production from the year 2005 to the year 2007, and also the theoretical reflection involving the presentation of concepts and historic references which capacitate the making of their records and analysis. By the instauration of this pictorial work I seek out to accomplish a visual poetics investigation concerning the visual interferences and noises that emerges from the imagetic transpositions between the video imagery to the medium of the painting. These transpositions bring out specific semantics implications that are in evidence here because of the increasing detachment of the direct perception, and the dissolution of the informational content of the images that were originaly apropriated and then transformed by the process of this research. All the paintings were executed on a canvas all made up of a metallic material, with identical sizes of 94 x 194 cm, and the only utilized medium was the acrilic painting. The appearance of the finished paintings are visually ambiguous, establishing a visual reference that recalls the photographic image of a cinematographic movie exhibited by the television. But, at the same time, they have a kind of a faded, discoloured look, that causes to the image a dissociation from the restrict photographic illusion of depth. In the course of the writing of this dissertation, a series of theoretical concepts related to the perception of the cinematographic imagery (AUMONT, BENJAMIN), the photographic imagery (VIRILIO, BARTHES, SONTAG, DUBOIS), the video imagery (MACHADO) and the medium of painting (FISCHER, LASCH, TASSINARI, MCCARTHY, LUCIE-SMITH, DANTO), and some historical references (Neo-Impressionism, Pop Art, Superrealism) that include some few artists that are standouts of these art movements, as well some other that aren´t related with no movement at all (Georges Seurat, Andy Warhol, Roy Lichtenstein, Richard Estes, Chuck Close, Gerhard Richter e Amílcar Packer). All this information were constantly confronted with the practice of painting, with the practice of the studio, in a way to assure also the continuity of this process and its permanece in the contemporary context.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/13811
Arquivos Descrição Formato
000655570.pdf (6.787Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.