Repositório Digital

A- A A+

Influência da resolução de voxel na capacidade de detecção do segundo canal em incisivos mandibulares utilizando a Tomografia Cone Beam

.

Influência da resolução de voxel na capacidade de detecção do segundo canal em incisivos mandibulares utilizando a Tomografia Cone Beam

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Influência da resolução de voxel na capacidade de detecção do segundo canal em incisivos mandibulares utilizando a Tomografia Cone Beam
Autor Fontana, Mathias Pante
Orientador Silveira, Heraldo Luis Dias da
Data 2010
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Curso de Especialização em Radiologia Odontológica e Imaginologia.
Assunto Canais radiculares : Anatomia
Radiografia computadorizada
[en] Cone beam computed tomography
[en] Root canal morphology
[en] Voxel resolution
Resumo O objetivo desse estudo foi avaliar a influência da resolução de voxel na capacidade de detecção do segundo canal radicular em incisivos mandibulares por meio da Tomografia Computadorizada Cone Beam (CBCT). Foram analisadas imagens tomográficas de 59 incisivos mandibulares em um aparelho i-CAT (Imaging Sciences International, Inc, Hatfield, PA; 120 KVp, 3-8 mA). Secções axiais, frontais e sagitais foram obtidas de acordo com 2 protocolos dependendo da resolução de voxel desejada: 0.3- e 0.2-mm. As imagens foram analisadas com o software i-Cat Vision (Imaging Sciences International, Inc) por um dentista especialista em radiologia cegado e previamente calibrado que classificou os dentes em cinco categorias: (1) certamente não há segundo canal; (2) possivelmente não há segundo canal; (3) é incerta a presença do segundo canal; (4) possivelmente há o segundo canal; (5) certamente há o segundo canal. Foi aplicado o teste Kappa ponderado (utilizando pesos lineares) que apresentou um resultado de 0,42, o que indica um baixo nível de concordância entre os dois grupos. Concluiu-se que o uso da resolução de voxel 0.2mm proporciona maior nível de certeza na detecção do segundo canal radicular em incisivos mandibulares quando comparada ao voxel 0.3mm (30,5% e 13,6% respectivamente).
Abstract The aim of this study was to evaluate the influence of voxel resolution in the diagnostic ability of Cone Beam Computed Tomography (CBCT) to detect second root canal in mandibular incisors. For that purpose, 59 mandibular incisors were viewed through i-Cat tomograph (Imaging Sciences International, Inc, Hatfield, PA; 120 KVp, 3-8 mA). Axial, frontal and sagittal sections were obtained following two protocols in which the variation was the voxel resolution (0.3 and 0.2mm). A calibrated oral radiologist blinded to the protocol assessed the images through the i-Cat Vison software (Imaging Sciences International, Inc) and classified the theet in five categories: (1) certainly there is no second canal; (2) probably there is no second canal; (3) the presence of the second canal is ucertain; (4) probably there is a second canal; (5) certainly there is a second canal. The weighted kappa test (using linear weights) was 0.42 which indicates a low concordance level between the groups. It was concluded that voxel resolution 0.2 increases certain on the second root canal detection in mandibular incisors when compared to voxel 0.3 (30,5% e13,6% respectively).
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/138204
Arquivos Descrição Formato
000747899.pdf (87.60Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.