Repositório Digital

A- A A+

Relação entre senso de coerência, impacto da saúde bucal na qualidade de vida e condição bucal clínica em indivíduos de 50 a 74 anos

.

Relação entre senso de coerência, impacto da saúde bucal na qualidade de vida e condição bucal clínica em indivíduos de 50 a 74 anos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Relação entre senso de coerência, impacto da saúde bucal na qualidade de vida e condição bucal clínica em indivíduos de 50 a 74 anos
Autor Davoglio, Rosane Silvia
Orientador Abegg, Claídes
Data 2011
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Programa de Pós-Graduação em Odontologia.
Assunto Odontologia social
Qualidade de vida
[en] Oral Impact on Daily Performances
[en] Quality of Life.
[en] Salutogenesis
[en] Sense of Coherence
Resumo Introdução: O Senso de Coerência (SOC) é um recurso individual para o enfrentamento de estressores que torna os sujeitos mais competentes para manter e melhorar sua saúde. O SOC está relacionado à qualidade de vida, sendo considerado um importante preditor da saúde. Existe relação entre forte SOC e adoção de comportamentos saudáveis, percepção positiva da qualidade de vida relacionada à saúde bucal, menor ocorrência de cárie dentária, perda dentária e melhor condição periodontal. Objetivo: Investigar a relação entre SOC, impacto da saúde bucal na qualidade de vida (OIDP) e condição bucal clínica, em indivíduos de 50 a 74 anos, em Porto Alegre/RS. Materiais e Métodos: Trata-se de um estudo transversal com uma amostra de 720 sujeitos, selecionados por processo de amostragem aleatória proporcional em múltiplos-estágios. Os instrumentos utilizados foram a escala SOC (SOC-13), o questionário OIDP, uma ficha de exame clínico e um questionário de avaliação socioeconômica e uso dos serviços odontológicos, adaptados do Projeto SB- Brasil 2003. As análises bivariada e multivariada foram realizadas por meio de Regressão de Poisson, com ajuste para variância robusta, utilizando o software Stata 9.0 Resultados: Na análise ajustada, SOC mais alto associou-se à ausência de impacto da saúde bucal na qualidade de vida (RP=1,31; IC95%=1,09-1,56; p=0,003), baixo escore de OIDP (RP=1,42; IC95%=1,18-1,71; p=0,000) e ausência de impacto no desempenho sorrir (RP=1,29; IC95%=1,05-1,59; p=0,014). SOC mais alto também se associou aos desfechos clínicos estudados: ausência de necessidade de prótese (RP=1,34; IC95%=1,04-1,68; p=0,015) e maior número de dentes presentes (RP=1,05; IC95%=1,01-1,11; p=0,033), após ajuste para co-fatores. Conclusão: Os achados deste estudo demonstraram que o constructo SOC associa-se positivamente à qualidade de vida relacionada à saúde bucal, suportando a hipótese de que os indivíduos com SOC mais elevado apresentam menor impacto da saúde bucal no desempenho de atividades diárias do que aqueles com SOC mais baixo. Os resultados também sugerem que indivíduos com SOC mais alto apresentam melhor condição bucal do que aqueles com SOC mais baixo, tendo maior número de dentes presentes e menor necessidade de prótese.
Abstract Introduction: Sense of Coherence (SOC) is a resource for coping with stressors that can make individuals more able to maintain and improve their health condition. It is related to quality of life and considered a predictor of health. There is a strong relationship between SOC and adopting healthy behaviors, positive perceptions of quality of life related to oral health, lower incidence of dental caries, tooth loss and improved periodontal condition. Objective: To investigate the relationship between SOC, Oral Impacts on Daily Performances (OIDP) and oral health clinical condition in individuals aged between 50 to 74 years in Porto Alegre/RS. Materials and Methods: This is a cross-sectional population based study with a sample of 720 subjects, who were selected through stratified random sampling process in multiplestages. Data were collected through the SOC scale (SOC -13), the questionnaire OIDP, socioeconomic and use of dental services questionnaire, adapted from the Brazilian Oral Health Survey SB-Brazil 2003, and clinical examinations. Bivariate and multivariate analyses were performed by Poisson regression with robust variance adjustment using Stata 9.0 software. Results: In adjusted analysis, strong SOC was associated with absence of oral impact (PR=1.31; CI95%=1.09-1.56; p=0.003), low score of OIDP (PR=1.42; CI95%=1.18-1.71; p=0.000) and no impact on the performance smile (PR=1.29; CI95%=1.08-1.59; p= 0.014). Strong SOC was also associated with clinical outcomes, no need for prosthesis (PR=1.34; CI95%=1.04- 1.68; p=0.015) and greater number of teeth (PR=1.05; CI95%=1.01-1.11; p=0.033) after adjustment for co-factors. Conclusion: Our findings showed that the SOC construct was positively associated with quality of life related to oral health, supporting the hypothesis that individuals with strong SOC have a lower impact of oral health in the development of daily activities than those with weak SOC. The results also suggest that individuals with strong SOC have better oral health than those with a weak SOC, with higher number of teeth and less need for prosthesis.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/139223
Arquivos Descrição Formato
000788397.pdf (692.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.