Repositório Digital

A- A A+

Prevalência de hábitos de sucção não-nutritiva e associação com aleitamento e desenvolvimento de maloclusões em escolas de educação infantil de Porto Alegre

.

Prevalência de hábitos de sucção não-nutritiva e associação com aleitamento e desenvolvimento de maloclusões em escolas de educação infantil de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Prevalência de hábitos de sucção não-nutritiva e associação com aleitamento e desenvolvimento de maloclusões em escolas de educação infantil de Porto Alegre
Autor Selbach, Bruna Jesinska
Machado, Carolina de Castro
Orientador Ferreira, Eduardo Silveira
Co-orientador Petry, Paulo Cauhy
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Curso de Odontologia.
Assunto Aleitamento materno
Maloclusao
Sucção
[en] Breast-feeding
[en] Malocclusion
[en] Suction oral habits
Resumo Introdução: Durante o exuberante crescimento na infância, toda região orofacial é altamente adaptável a quaisquer fatores etiológicos inoportunos. O papel dos hábitos orais viciosos na etiologia das maloclusões tem sido bastante estudado. A sucção não-nutritiva vem sendo mais fortemente associada ao estabelecimento de maloclusões. Dentre as possíveis causas condicionadoras do aparecimento de hábitos bucais deletérios, o tipo de amamentação e o período de aleitamento materno vêm sendo enfatizados. Objetivo: avaliar crianças em escolas de educação infantil particulares da cidade de Porto Alegre e verificar a prevalência de hábitos de sucção não-nutritiva, relacionando a presença dos hábitos com tipo de aleitamento e desenvolvimento de maloclusões. Metodologia: estudo observacional, transversal e analítico; foi realizado em escolas particulares de educação infantil. Um exame clínico em 77 crianças registrou dados da oclusão, verificando a prevalência de maloclusão, e as informações referentes à forma de aleitamento e presença ou ausência do hábito de sucção foram obtidas por meio de um questionário preenchido pelo responsável. A análise estatística dos dados colhidos foi executada através do programa SPSS Brasil. Resultados: foi estabelecido que a presença de hábitos de sucção não-nutritiva em algum momento da infância é elevada; existe uma associação significativa da presença de hábitos e desenvolvimento de mordida aberta anterior e “overjet” acentuado. Há uma associação entre o maior período de aleitamento e a diminuição da ocorrência de hábitos de sucção, e a orientação prévia dos responsáveis sobre aleitamento e hábitos está associada ao aumento do período de aleitamento. Conclusão: A diminuição da prevalência de hábitos de sucção não-nutritiva está relacionada ao aleitamento materno prolongado, e contribui para a menor ocorrência de desvios da oclusão na dentição decídua completa.
Abstract Introduction: Throughout the exuberant growth in childhood, all the orofacial region is extremely adaptable to any inopportune etiological factors. The role of oral habits in the etiology of malocclusion has been well studied. Non-nutritive suction has been highly associated to establishment of malocclusion. Among the possible conditioning causes of deleterious oral habits, the type of infant feeding and period of breast-feeding have been emphasized. Objectives: Evaluating children from particular infant education schools in the city of Porto Alegre, checking the prevalence of non- nutritive suction habits, relating the presence of such habits with the type of infant feeding and malocclusion development. Methods: observational, transversal and analytical study; it was realized in particular infant education schools. A clinical exam recorded data of occlusion, and information related to type of infant feeding and either presence or absence of suction habits was obtained through a questionnaire filled by caretakers. The statistical analysis was performed through SPSS Brasil program. Results: It was established that the presence of habits of non-nutritive sucking at some point in childhood is high; there is a significant correlation between the presence of habits and the development of anterior open bite and increased “overjet”. There is also an association between prolongation of breast-feeding and lower incidence of sucking habits, and previous information of those caretakers on breast-feeding and habits is associated with increased breast-feeding. Conclusion: The decrease in prevalence of habits of non-nutritive sucking is related to prolonged breast-feeding and contributes to lower occurrence of malocclusion in deciduous teeth.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/139364
Arquivos Descrição Formato
000990122.pdf (832.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.