Repositório Digital

A- A A+

Aplicação da técnica Pixe ao estudo de poluição de regiões costeiras marinhas utilizando peixes como bioindicadores

.

Aplicação da técnica Pixe ao estudo de poluição de regiões costeiras marinhas utilizando peixes como bioindicadores

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Aplicação da técnica Pixe ao estudo de poluição de regiões costeiras marinhas utilizando peixes como bioindicadores
Autor Niekraszewicz, Liana Appel Boufleur
Orientador Dias, Johnny Ferraz
Co-orientador Amaral, Livio
Data 2008
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Física. Curso de Física: Bacharelado.
Assunto Física
Resumo O presente trabalho consiste no estudo de uma possível influência antropogênica sazonal na praia de Itamambuca através da análise de peixes que habitam esta região, considerados biomonitores. O peixe escolhido para este estudo foi o Atherinella brasiliensis, usualmente conhecido como peixe-rei, devido à sua abundância. Num total, 84 peixes foram coletados entre julho de 2004 e fevereiro de 2005 em diferentes locais da praia e dentro do rio Itamabuca. Estes animais foram classificados de acordo com a estação do ano, local e período de coleta e sua musculatura foi analisada através das técnicas Particle Induced X-ray Emission (PIXE) [1] e Rutherford Backscattering (RBS) [2]. A concentração de elementos leves que compõem a matriz da amostra, tais como C, N e O foi obtida através da técnica RBS, enquanto os elementos majoritários (Na, Mg, P, S, Cl, K e Ca) e os elementos traço (Si, Al, Ti, Cr, Mn, Fe, Ni, Cu, Zn, As, Se, Br e Sr) foram medidos através da técnica PIXE. Os resultados mostram que não existem diferenças significativas entre as concentrações elementares dos tecidos de peixes coletados durante a alta temporada (primavera-verão) e a baixa temporada (outono-inverno), o que pode ser um indicativo de que o aumento das atividades humanas nestas regiões tem pouco impacto no ecossistema da praia. Também não existem diferenças entre peixes coletados durante o dia e a noite, bem como nas diferentes regiões do rio e da praia, confirmando a hipótese de um caráter migratório destes animais.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/139371
Arquivos Descrição Formato
000719916.pdf (431.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.