Repositório Digital

A- A A+

Avaliação da qualidade do cuidado a idosos nos serviços da rede pública de atenção primária à saúde de Porto Alegre, Brasil

.

Avaliação da qualidade do cuidado a idosos nos serviços da rede pública de atenção primária à saúde de Porto Alegre, Brasil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação da qualidade do cuidado a idosos nos serviços da rede pública de atenção primária à saúde de Porto Alegre, Brasil
Outro título Assessing the quality of care for the elderly in services from public primary health care in Porto Alegre, Brazil
Outro título La evaluación de la calidad de la atención a los ancianos en los servicios públicos de atención primaria de salud en Porto Alegre, Brasil
Autor Oliveira, Elise Botteselle de
Bozzetti, Mary Clarisse
Hauser, Lisiane
Duncan, Bruce Bartholow
Harzheim, Erno
Data 2013
Assunto Atenção primária à saúde
Avaliação de serviços de saúde
Envelhecimento da população
Idoso
Morbidade
[en] Aged
[en] Demographic Aging
[en] Health Services Evaluation
[en] Morbidity
[en] Primary Health Care
[es] Anciano
[es] Atención Primaria de Salud
[es] Envejecimiento de la Población
[es] Evaluación de Servicios de Salud
[es] Morbilidad
Resumo Introdução: O envelhecimento populacional gera maiores necessidades em saúde e torna-se um desafio para os serviços de saúde. A Atenção Primária à Saúde (APS) tem papel fundamental na promoção do envelhecimento saudável e no controle das multimorbidades. Objetivo: Avaliar a qualidade dos serviços públicos provedores de APS em Porto Alegre-RS, Brasil, na prestação do cuidado aos idosos. Métodos: Estudo transversal de base populacional, realizado em 2007, que entrevistou 212 idosos atendidos nos quatro tipos de serviços públicos da cidade: as unidades Básicas de Saúde, as equipes da Estratégia Saúde da Família, o Serviço de Saúde Comunitária do Grupo Hospitalar Conceição (SSC-GHC) e o Centro de Saúde Escola Murialdo. Resultados: Houve diferença significativa para os atributos Acesso-utilização, Longitudinalidade, Coordenação do cuidado e dos sistemas de informações, e Orientação familiar e comunitária. O SSC-GHC apresentou uma prevalência de 55,8% (p<0,001) do alto escore geral de APS, números superiores aos demais serviços. O escore geral das práticas preventivas mostrou uma diferença significativa quando foram comparados os serviços em relação ao escore geral de APS, com média de 3,9 (IC 95%=3,60-4,32) entre os idosos que referiram baixo escore e 5,9 (IC 95%=5,3-6,5) entre os que referiram alto escore. Discussão: Os resultados mostram escores baixos em todos os tipos de serviços. Os serviços com alto escore geral de APS apresentam prevalências maiores de práticas preventivas. Conclusões: Serviços orientados à APS apresentam-se mais efetivos e oferecem melhores cuidados preventivos recomendados para os idosos.
Abstract Introduction: The aging population creates a greater demand creates a greater demand for health services and becomes a challenge for the health care system. Primary Health Care (PHC) plays a fundamental role in promoting healthy aging and controlling multi-morbidity. Objective: To assess the quality of care provided to elderly patients in public PHC in Porto Alegre, Rio Grande do Sul state, Brazil. Methods: A cross-sectional population-based study carried out in 2007, with interviews conducted with 212 elderly patients from four types of municipal public services: Primary Health Centers, Family Health Strategy teams, the “Conceição” Hospital Community Health Service (CH/CHS), and the “Murialdo” School Health Center. Results: There were significant differences between the centers investigated regarding the following attributes: Access-utilization, Longitudinality, Care coordination and information systems, and Family and community orientation. The CH/CHS showed prevalence of 55.8% (p<0.001) for the overall PHC high score - higher figures in comparison with the other services. The overall score of preventive practices showed a significant association with the services to the overall PHC score, with an average of 3.9 (CI 95%=3.60-4.32) among the elderly who presented low scores and 5.9 (CI 95%=5.3-6.5) among those presenting high scores. Discussion: The results show low scores in all types of services. The services with a high overall PHC score present higher preventive practice prevalence. Conclusions: PHC-oriented services are more effective and offer greater quality of preventive care recommended for the elderly.
Resumen Introducción: El aumento de la longevidad crea una mayor demanda de servicios de salud y se convierte en un reto para el sistema de atención de salud. La Atención Primaria de Salud (APS) tiene un papel fundamental en la promoción del envejecimiento saludable y en el control de las multimorbilidades. Objetivo: Evaluar la calidad de los proveedores de servicios públicos de APS en Porto Alegre-RS, Brasil, en la atención a los ancianos. Métodos: Estudio transversal de base poblacional, realizado en 2007, que entrevistó a 212 ancianos atendidos en los 4 tipos de servicios públicos de la ciudad: los Centros de Salud de Atención Primaria, los equipos de la Estrategia de Salud de la Familia, el Servicio de Salud Comunitaria del Grupo Hospitalario Conceição (SSC/GHC) y el Centro de Salud Escuela Murialdo. Resultados: Hubo diferencias significativas para los atributos Accesibilidad, Longitudinalidad, Coordinación del cuidado y de los sistemas de información, y Orientación familiar y comunitaria. El SSC/GHC mostró una prevalencia del 55,8% (p<0,001) de la puntuación total máxima de APS, números superiores a los de otros servicios. La puntuación total de las prácticas preventivas mostró una diferencia significativa al comparar los servicios con la puntuación total de la APS, con una media de 3,9 (IC 95%=3,60-4,32) entre los ancianos que presentaron baja puntuación y 5,9 (IC 95%=5,3-6,5) entre los que presentaron puntuación más alta. Discusión: Los resultados muestran puntuaciones bajas en todos los tipos de servicios. Los servicios con una alta puntuación total de APS tienen una mayor prevalencia de prácticas preventivas. Conclusiones: Servicios orientados a la APS se muestran más eficaces y ofrecen mejores cuidados preventivos para los ancianos.
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/140034
Arquivos Descrição Formato
000913344.pdf (371.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.