Repositório Digital

A- A A+

Desempenho econômico e a consolidação da democracia : um estudo comparativo dos casos Brasil, Uruguai, Espanha e Finlândia

.

Desempenho econômico e a consolidação da democracia : um estudo comparativo dos casos Brasil, Uruguai, Espanha e Finlândia

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desempenho econômico e a consolidação da democracia : um estudo comparativo dos casos Brasil, Uruguai, Espanha e Finlândia
Autor Duarte, Jéssica da Silva
Orientador González, Rodrigo Stumpf
Data 2016
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Ciência Política.
Assunto Cultura
Democracia
Economia
[en] Culture
[en] Democracy
[en] Democratic consolidation
[en] Economy
Resumo O presente artigo tem por objetivo examinar se – como aponta parte da literatura - há alguma similaridade entre situação econômica e valores democráticos, isto é, se a variação ou estabilização se manifestam da mesma maneira nas duas dimensões. A importância deste trabalho reside no fato de que durante a segunda metade do século XX aconteceram a segunda e terceira ondas democráticas, fazendo com que o número de regimes que se definem como democracias aumentasse significativamente: nesse sentido, no final deste mesmo século e início do século seguinte, muitos países sofreram o impacto de crises econômicas e de queda da satisfação com os regimes democráticos e da confiança em suas instituições. Desse modo, para observar de que maneira a opinião pública se comporta diante das flutuações de índices econômicos, são verificados os casos do Brasil, Uruguai, Espanha e Finlândia, propondo-se uma análise de dados econômicos do Banco Mundial – no que diz respeito ao desemprego, inflação, PIB per capita, PIB crescimento anual, Índice de GINI - e do PNUD - sobreÍndice de Desenvolvimento Humano (IDH) - em comparação com indicadores de atitudes democráticas, como satisfação e confiança nas instituições públicas, do Latino e Eurobarômetro nos últimos vinte anos, para tentar descobrir se há, de fato, similaridade de comportamento entre as duas dimensões nestes países.
Abstract This article aims to examine whether - as points of the literature - there is a relationship between economic status and democratic values, in other words, if the variation or stabilization manifest the same way in two dimensions. The importance of this work lies in the fact that during the second half of the twentieth century happened the second and third democratic wave, causing the number of schemes that call themselves democracies increased significantly: in this sense, at the end of this same century and beginning of the next century, many countries suffered the impact of economic crises and loss of satisfaction with democratic regimes and trust in their institutions. Thus, to observe how the public opinion behaves in the face of economic indices fluctuations, are verified the cases of Brazil, Uruguay, Spain and Finland, proposing a World Bank economic data analysis - with regard to unemployment, inflation, GDP per capita, GDP annual growth, GINI index and of the UNDP data about Human Development Index (HDI) - compared with democratic attitudes indicators such as satisfaction and trust in public institutions, of Latinobarómetro and Eurobarometer in the last twenty years to find out if there is, indeed, the relationship between the two dimensions in these countries.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/140093
Arquivos Descrição Formato
000990519.pdf (988.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.