Repositório Digital

A- A A+

Crescimento econômico e restrição externa : o caso brasileiro

.

Crescimento econômico e restrição externa : o caso brasileiro

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Crescimento econômico e restrição externa : o caso brasileiro
Autor Silva, Rafael Henrique Rodrigues da
Orientador Cunha, Andre Moreira
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Ciências Econômicas.
Assunto Economia
[en] Cointegration
[en] Economy
[en] International economy
[en] Thirlwall’s law
Resumo O objetivo principal desta monografia é verificar se houve restrição do balanço de pagamentos brasileiro, desde 1964, considerando o modelo desenvolvido por Thirlwall (1979). Para tanto, foi estimado um modelo VAR/VEC e verificou-se a taxa de crescimento compatível com o equilíbrio externo através do método de cointegração. Foi estimada a função demanda por importações, através do método sugerido por Alonso e Garcimartin (1998), e a função demanda por importações indireta, através do crescimento das exportações, como sugerido por McCombie (1997). Além disso, foram calculadas as taxas de crescimento para os subperíodos 1964-1994 e 1994-2014 a fim de se observar se houve mudança no comércio exterior brasileiro. Os resultados deste trabalho confirmam a restrição externa para a economia brasileira na amostra maior e atestam que, no primeiro período analisado, o crescimento condicionado ao crescimento externo era superior.
Abstract This work employs the balance-of-payments constrained growth approach developed by Thirlwall (1979) to check if the Brazilian economy was constrained since 1964. In order to do so it was estimated a VAR/VEC model and the long-run growth was estimated through cointegration techniques. The import function was estimated as suggested by Alonso and Garcimartin (1998) and the indirect import function, using export growth, as proposed by McCombie (1997). In addition the balance-of-payments constrained growth was estimated to the subsamples 1964-1994 and 1994-2014 in order to check if there was a structural change in the Brazilian foreign trade. The results verify the external constraint for the Brazilian economy in the largest sample and attest that in the first period studied the balance-of-payments constrained growth was higher.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/140353
Arquivos Descrição Formato
000986925.pdf (925.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.