Repositório Digital

A- A A+

Políticas de desenvolvimento de estado para a Amazônia a partir do Estado Novo

.

Políticas de desenvolvimento de estado para a Amazônia a partir do Estado Novo

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Políticas de desenvolvimento de estado para a Amazônia a partir do Estado Novo
Autor Cordeiro, Werley da Costa
Orientador Lagemann, Eugenio
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Ciências Econômicas.
Assunto Economia
[en] Amazon region
[en] Government plans
[en] Regional development
[en] Regional planning
Resumo A partir da segunda metade do século XX, a economia brasileira experimentou sucessivos planos de desenvolvimento econômico, tais como o Plano de Metas, no governo Kubitschek; o II PND, no governo Militar; e o PAC, a partir do governo Lula II. Em que pese todos fossem projetos do Governo Federal, a maior parte dos investimentos foi direcionado para as regiões mais industrializadas do país. Dessa forma, quando os planos não tinham obras que demandavam recursos naturais da Região Norte, a alternativa para fomentar o desenvolvimento desta região foi por meio de incentivos fiscais e financeiros para a iniciativa privada. Com o intuito de identificar os resultados das políticas de desenvolvimento para a Região Norte entre 1937 a 2014, consideram-se as avaliações de tais políticas na literatura econômica. Para os anos mais recentes, estão sendo analisados os dados disponibilizados por órgãos governamentais que tratam dessa temática.
Abstract Since the 1950's, the Brazilian economy has undergone successive economic development plans, such as "Plano de Metas" (Plan of Goals) during the Kubitschek government; "II Plano Nacional de Desenvolvimento" (2nd National Development Plan), during the military regime; and "Plano de Aceleração do Crescimento" (Growth Acceleration Program) in the second term of the Lula government. Although these were federal projects, the majority of investment was directed to the most industrialized regions of the country. When those plans did not contemplate infrastructure projects that required natural resources from the North Region, the option chosen to foster development in that region was to implement tax and financial incentives to the private sector. This work surveys the economic literature to investigate the results of such development policies in Northern Brazil between 1937-2014. For more recent years, statistical data about population and economic growth, made available by public agencies, are also analyzed.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/140437
Arquivos Descrição Formato
000987264.pdf (2.037Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.