Repositório Digital

A- A A+

O apoio do Banco do Brasil ao desenvolvimento regional sustentável : a experiência da agência de Santo Amaro da Imperatriz - SC

.

O apoio do Banco do Brasil ao desenvolvimento regional sustentável : a experiência da agência de Santo Amaro da Imperatriz - SC

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O apoio do Banco do Brasil ao desenvolvimento regional sustentável : a experiência da agência de Santo Amaro da Imperatriz - SC
Autor David, Márcio Luiz
Orientador Nascimento, Luis Felipe Machado do
Data 2007
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de especialização a distância: Gestão de negócios financeiros - Banco do Brasil.
Assunto Agricultura familiar
Banco do Brasil.
Crédito bancário
Crédito rural
Desenvolvimento regional
Resumo Esta monografia trata da relação entre desenvolvimento regional sustentável e a agricultura familiar. O estudo está restrito à experiência da agência do Banco do Brasil do município de Santo Amaro da Imperatriz – SC junto aos agricultores dos municípios de Águas Mornas, Angelina, Anitápolis, Rancho Queimado, Santo Amaro da Imperatriz e São Bonifácio, que em seu conjunto, passam a ser um território unificado por tradições e culturas comuns; além de elementos que indicam identidade e coesão social, cultural e territorial. O objetivo principal proposto por esta pesquisa, de caráter qualitativo, foi de identificar quais os fatores condicionantes necessários para que o território de Santo Amaro da Imperatriz – SC tenha sucesso na implantação de atividades que permitam o desenvolvimento regional sustentável (DRS). Como objetivos secundários, a pesquisa visa levantar e analisar dados sobre os clientes que atualmente fazem uso de linhas de crédito de longo prazo disponibilizadas pelo Banco do Brasil e em que atividade estes créditos foram aplicados e sua importância para o desenvolvimento da região; e identificar atividades no território de Santo Amaro da Imperatriz - SC que poderiam ser incentivadas pelo Banco do Brasil através da implementação de planos de DRS. Como método de pesquisa, optou-se pelo estudo de caso, de caráter qualitativo, exploratório, a partir de entrevistas com integrantes de grupo de estudos envolvido com a implantação da estratégia de desenvolvimento regional do Banco do Brasil no território de Santo Amaro da Imperatriz, bem como com funcionários da agência e os próprios agricultores familiares beneficiados pelo crédito rural. Concluiu que a inexistência de amparo ao agricultor no tocante a técnicas de gestão da propriedade e dos recursos recebidos através do crédito rural para custeio dificulta a mudança da frágil situação em que se encontram as pessoas que dependem da agricultura familiar para sobreviver. A falta de acompanhamento na utilização dos recursos possibilita a geração de distorções em seu uso. O uso consciente dos recursos, a adoção dos princípios da Agroecologia e o incentivo ao associativismo e cooperativismo podem mudar o quadro atual. Necessárias se fazem a adoção e aplicação dos fundamentos teóricos sobre a implantação de iniciativas de acordo com as dimensões (ecológica, social, econômica, cultural, política e ética) da sustentabilidade, já comprovados em outras regiões do país através da estratégia de desenvolvimento regional sustentável do Banco do Brasil.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/14125
Arquivos Descrição Formato
000649879.pdf (613.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.