Repositório Digital

A- A A+

A importância da avaliação de desempenho para os funcionários do Banco do Brasil : pesquisa em uma agência de Porto Alegre

.

A importância da avaliação de desempenho para os funcionários do Banco do Brasil : pesquisa em uma agência de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A importância da avaliação de desempenho para os funcionários do Banco do Brasil : pesquisa em uma agência de Porto Alegre
Autor Almeida, Margareth Vieira de
Orientador Antunes, Elaine di Diego
Data 2007
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de especialização a distância: Gestão de negócios financeiros - Banco do Brasil.
Assunto Balanced scorecard
Banco do Brasil.
Desempenho profissional
Orientação estratégica
Resumo A idéia defendida por alguns autores de que as organizações dependem das pessoas para poder funcionar e a percepção de que é fundamental que elas estejam bem avaliadas e bem treinadas para que atinjam seus objetivos é o intuito deste trabalho. A pesquisa foi realizada no Banco do Brasil, que avalia o desempenho dos funcionários desde a década de 60. Recentemente, foi criada uma nova forma de avaliação – Gestão de Desempenho Profissional (GDP) por Competências –, tomando-se por base o Balanced Scorecard (BSC), instrumento de gestão desenvolvido por Kaplan e Norton (1997), que tem o objetivo de demonstrar, estabelecer e balizar a orientação estratégica da organização por meio de indicadores financeiros e não-financeiros. Essa pesquisa tem a intenção de verificar a metodologia do banco, sua adequada utilização na gestão de desempenho, aprimoramento das competências, melhoria dos resultados empresariais e o crescimento profissional. A partir do modelo teórico, foi realizada uma pesquisa Survey. Para isso, foi aplicado um questionário em trinta e seis funcionários de uma agência, considerando-se funcionários com mais de dez anos de banco e com menos de dez anos, objetivando traçar um comparativo entre esses dois grupos. Foram constatadas diferenças entre a percepção dos funcionários com mais de dez anos de banco em relação aos funcionários que ainda não possuem esse tempo de empresa, destacando-se, principalmente, a maior importância dada ao processo pelos funcionários mais antigos, constatou-se que isso talvez ocorra devido ao maior conhecimento do instrumento de avaliação por esse grupo de funcionários.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/14129
Arquivos Descrição Formato
000649885.pdf (261.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.