Repositório Digital

A- A A+

Composição e análise isotópica da precipitação em Porto Velho-RO em medidas mensais entre outubro de 2013 e maio de 2014

.

Composição e análise isotópica da precipitação em Porto Velho-RO em medidas mensais entre outubro de 2013 e maio de 2014

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Composição e análise isotópica da precipitação em Porto Velho-RO em medidas mensais entre outubro de 2013 e maio de 2014
Autor Griebler Júnior, José Celso
Orientador Ribeiro, Rafael da Rocha
Co-orientador Aquino, Francisco Eliseu
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Geociências. Curso de Geografia: Bacharelado.
Assunto Amazônia
Climatologia
Isótopos estáveis
Porto Velho (RO)
Precipitação
[en] Climatology
[en] Precipitation
[en] Stable isotopes
[en] δ18O
Resumo A Amazônia é uma área de grande importância para o clima mundial e, consequentemente, do continente sul americano. A troca de energia, principalmente por convecção, que ocorre desta superfície com a atmosfera, torna-se responsável por boa parte dos regimes de chuvas locais e continentais. O ciclo hidrológico que ocorre na Amazônia é regulado por ventos que sopram no sentido leste-oeste, responsáveis por trazer vapor d’água proveniente da evaporação do Oceano Atlântico. Dentro do continente, a água precipita, evapora e recicla. Parte da água que cai sobre a Amazônia tem fonte no oceano e parte é proveniente de fontes internas à própria área. Neste sistema está inserida a cidade de Porto Velho, em Rondônia. Este trabalho relaciona, através da análise de isótopos estáveis de oxigênio, os valores de δ18O, medidos a partir de amostras colhidas mensalmente entre outubro de 2013 e maio de 2014, com medidas meteorológicas de temperatura e quantidade de precipitação a fim de relacionar a variação deste isótopo estável com as variações meteorológicas locais. As medidas meteorológicas de temperatura e pluviosidade foram obtidas em medidores automáticos e disponibilizadas pelo INMET, as amostras foram obtidas com uso de pluviômetro específico para este fim, instalado na sede da CPRM em Porto Velho-RO e as medidas de isótopos estáveis foram realizadas no laboratório de isótopos estáveis do Centro Polar e Climático da UFRGS, em Porto Alegre. Para o tratamento dos dados, foram utilizadas planilhas eletrônicas onde foram aplicadas correlações de Pearson para relacionar os dados medidos com as condições meteorológicas do período estudado. Para o período pesquisado e sob as condições meteorológicas ocorridas no período de oito meses em questão, a variação do isótopo estável de oxigênio mostrou-se mais conectada às variações de temperatura com as variações de quantidade de chuva. Os valores de δ18O em relação aos valores de Temperatura Média, apresentaram uma Correlação de Pearson (ρ) de 0,60, classificada no limiar entre a forte e a moderada correlação linear positiva. Já os valores de δ18O em relação às medidas de Temperatura Máxima, apresentam uma Correlação de Pearson de 0,93, classificada como muito forte correlação linear positiva.
Abstract The Amazon is a very important area for the global climate and, therefore the South American continent. The energy exchange, mainly made by convection, which occurs from the surface to the atmosphere, it is responsible for much of local and continental rainfall patterns. The hydrological cycle that occurs in the Amazon is regulated by winds that blow from east to west, responsible for bringing water vapor from the evaporation of the Atlantic Ocean. Within the continent, the water precipitates, evaporates and recycles. Some of the water that falls over the Amazon has source in the ocean and part comes from sources within the area itself. In this system is inserted the city of Porto Velho, at Rondônia state. This work relates, through the stable oxygen isotope analysis, the values of δ18O, measured from samples collected monthly between October of 2013 and May of 2014, with meteorological measurements of temperature and amount of rainfall in order to relate the variation of this stable isotope with local weather variations. Weather temperature measurements and rainfall amount measurements were obtained from automatic station and provided by INMET, the samples were obtained with the use of specific rain gauge for this purpose, installed in the CPRM headquarters in Porto Velho and the stable isotope measurements were performed in the laboratory of stable isotopes of Centro Polar e Climático of UFRGS, in Porto Alegre. For the data processing, spreadsheets were used where Pearson correlations were applied to relate the measured isotopes data to the weather conditions of the study period. For the period researched and under weather conditions that occurred in the eight-month period in question, the variation of stable isotope of oxygen was more connected to temperature variations than changes in the amount of rainfall. δ18O values related to average temperature values, showed a Pearson Correlation (ρ) of 0,60, classified in the limit between moderate and strong positive linear correlation. The δ18O values related to maximum temperature, showed Pearson Correlation of 0,93, classified as very Strong positive linear correlation.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/141306
Arquivos Descrição Formato
000992453.pdf (1.408Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.