Repositório Digital

A- A A+

Funções manifestas e latentes do estágio do curso de biblioteconomia da UFRGS e sua relação com os recursos humanos e tipos de bibliotecas

.

Funções manifestas e latentes do estágio do curso de biblioteconomia da UFRGS e sua relação com os recursos humanos e tipos de bibliotecas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Funções manifestas e latentes do estágio do curso de biblioteconomia da UFRGS e sua relação com os recursos humanos e tipos de bibliotecas
Autor Stumpf, Ida Regina Chitto
Orientador Wright, Richard George
Data 1979
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Curso de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Biblioteconomia
Estágio supervisionado
Recursos humanos
Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Resumo Por atender aos propósitos das instituições de ensino e dos campos de trabalho, o estágio desempenha funções diferenciadas para ambos. Essas funções podem ser tanto as manifestas na literatura como as não previstas, mas suspeitadas para sua realização e que desvirtuam as finalidades específicas do estágio. A pesquisa mostra a diferença entre as funções manifestas e latentes que o estágio desempenha para a educação dos alunos do Curso de Biblioteconomia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS e para as bibliotecas onde é realizado. As variáveis recursos humanos e tipos de bibliotecas foram relacionadas aos dois tipos de funções. O estudo é descritivo e utilizou como sujeito 56 bibliotecas credenciadas pela Comissão de Estágio do referido Curso. As funções para a educação forma verificadas através da frequência como que o estagiário realiza tarefas semiprofissionais, profissioanis e auxiliares, estas duas últimas caracterizadas com um super e subaproveitamento do aluno. As funções do estágio para as bibliotecas foram verificadas através da opinião dos bibliotecários-chefes sobre os aspectos positivos e negativos que o estágio está desempenhando para a organização. O tratamento estatístico utilizado foi o estabelecimento da média entre os pontos obtidos pelos sujeitos e os testes de significância utilizados foram t e f. Os resultados demonstram que, em geral, o estágio está servindo mais como forma dos alunos aplicarem os conhecimentos teóricos recebidos em aula, do que estar utilizando o estágiário em lugar do profissional ou um auxiliar com baixa capacitação. Há, porém, uma acentuada tendência de sua utilização no lugar desse último. Nas funções que o estágio desempenha para as bibliotecas, as funções manifestas de servir como meio de comunicação com o Curso, como meio de introdução de novas ideias na instituição e como forma para selecionar e recrutar pessoal profissional superam as funções latentes de servir para aumentar o pessoal das bibliotecas a baixo custos. Os tipos de bibliotecas, a qualtidade e a qualificação dos auxiliares mostraram influir no desempenho das funções. Outras varáveis coletadas pelo instrumento, também, mostraram ser significativas: semestre do aluno, regime de trabalho do estagiário, vantagens que as bibliotecas oferecem ao aluno e a quantidade de leitores das bibliotecas onde o estudante realia o estágio.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/142228
Arquivos Descrição Formato
000154445.pdf (19.05Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.