Repositório Digital

A- A A+

O conhecimento dos profissionais de enfermagem sobre as medidas preventivas da pneumonia associada à ventilação mecânica

.

O conhecimento dos profissionais de enfermagem sobre as medidas preventivas da pneumonia associada à ventilação mecânica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O conhecimento dos profissionais de enfermagem sobre as medidas preventivas da pneumonia associada à ventilação mecânica
Autor Rocha, Jeane Zanini da
Orientador Hoefel, Heloisa Helena Karnas
Data 2008
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Pneumonia
Ventilação mecânica : Enfermagem
Resumo A ventilação mecânica é uma prática utilizada largamente nas unidades de terapia intensiva, mas esta opção não traz somente benefícios ao paciente tornando-os mais suscetíveis a infecções, onde a mais importante é a pneumonia. Buscou-se com este estudo, avaliar o conhecimento dos profissionais de enfermagem acerca das medidas de prevenção da pneumonia associada à ventilação mecânica, explorando também aspectos como exposição do profissional a risco ocupacional e causas de transmissão de microorganismos. A pesquisa possuiu um delineamento descritivo exploratório transversal com abordagem quantitativa. Foi aplicado questionário com perguntas abertas e fechadas a 66 técnicos de enfermagem da UTI Adulto do Hospital Nossa Senhora da Conceição em Porto Alegre. A análise dos dados foi feita com programa Excel e as variáveis foram avaliadas com teste qui-quadrado. Quando questionados sobre realização de treinamento relacionado à prevenção de pneumonia associada à ventilação mecânica, proporcionado pela instituição, 46 profissionais (70%) disseram ter sido treinados. Cinqüenta e sete (86%) relataram aderir às medidas de prevenção da pneumonia associada à ventilação, sendo que a mais citada foi aspiração correta e freqüente. A principal causa de transmissão de microorganismos relatada foi a pouca ou ineficaz lavagem das mãos. Acerca da exposição a risco ocupacional, 35 (53%) referiu se considerar em risco e 25 (38%) não se considera exposto a risco ocupacional, atribuindo isso ao fato de utilizar EPI’s em 18 (72%) das respostas, Concluiu-se com este estudo que há necessidade de treinamento e capacitação para os profissionais, visando a construção de uma consciência coletiva da necessidade de emprego das medidas preventivas da pneumonia associada à ventilação mecânica e demais infecções.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/142814
Arquivos Descrição Formato
000669865.pdf (292.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.