Repositório Digital

A- A A+

Avaliação das alterações morfológicas e da atividade da acetilcolinesterase da NADPH diaforase do plexo mientérico no intestino de Chinchilla lanigera (rodentia: chinchillidae) sob cólica timpânica experimental

.

Avaliação das alterações morfológicas e da atividade da acetilcolinesterase da NADPH diaforase do plexo mientérico no intestino de Chinchilla lanigera (rodentia: chinchillidae) sob cólica timpânica experimental

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação das alterações morfológicas e da atividade da acetilcolinesterase da NADPH diaforase do plexo mientérico no intestino de Chinchilla lanigera (rodentia: chinchillidae) sob cólica timpânica experimental
Outro título Evaluation of morphological changes and acetylcholinesterase and NADPHdiaphorase activity in the myenteric plexus of the intestine of Chinchilla lanigera (Rodentia: chinchillidae) under experimental tympanic colic
Autor Franceschi, Raphaela da Cunha
Orientador Zancan, Denise Maria
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Ciências Básicas da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Neurociências.
Assunto Acetilcolinesterase
Chinchila
Cólica
Fisiologia animal
Modelos animais de doenças
NADP
Resumo como animais de estimação. Entretanto, existem poucas informações sobre a fisiologia, inclusive do trato gastrointestinal (TGI) e as enfermidades a este associadas. O TGI destes animais é longo e apresenta complexidade similar a dos lagomorfos: ceco com uma porção sacular espiralada, seguida de uma porção tubular que se continua em um cólon ascendente longo. Estas características, em associação com o fornecimento de uma dieta rica em grãos e leguminosas, são condições que permitem o fácil acometimento de cólica timpânica (CT), que se caracteriza pela distensão acentuada da parede do ceco, devido ao acúmulo dos gases produzidos em excesso durante a digestão fermentativa. Considerando que o acometimento de uma enfermidade promova alterações morfológicas e funcionais do sistema nervoso entérico (SNE), o roedor C. lanigera foi utilizado para avaliar as alterações in situ da atividade das enzimas acetilcolinesterase (AChE) e diaforase da nicotinamida adenina dinucleotídeo fosfato (NADPH-d) dos neurônios do plexo mientérico (PM) em um modelo experimental de CT provocado por alteração da dieta. Após as duas semanas de timpanismo, um grupo de animais voltou a receber dieta balanceada por 20 dias associado a um antiinflamatório (cetoprofeno) no sprimeiros 5 dias do período de dieta normal. O timpanismo foi confirmado pela análise dos sintomas e por meio do teste de von Frey. Verificou-se maior sensibilidade abdominal nos animais do grupo timpânico e recuperado (dieta de indução até D18 e, após, a mesma dieta do grupo controle assossiada ao medicamento cetoprofeno) durante o período da doença (11° ao 18° dia após início da dieta alterada). O tratamento medicamentoso e normalização da dieta (D23), o grupo recuperado mostrou uma sensibilidade abdominal semelhante a do grupo controle. A necrópsia revelou um aumento de volume no ceco e cólon ascendente dos animais timpânicos e isquemia nas junções jejuno-ileal, ileocecal e no cólon ascendente, com infarto nos vasos sanguíneos mesentéricos ao longo do intestino. Nos animais recuperados não foi observado infarto nos vasos sanguíneos mesentéricos. O PM da C. lanigera normal constitui-se de uma extensa rede ganglionar de formato retangular e uniforme, cujos gânglios se dispõem no sentido dos feixes de fibras da camada muscular longitudinal e estão conectados entre si por ramos nervosos calibrosos. O PM divide-se em três redes distintas: o plexo primário (formado por gânglios médios e grandes e feixes de fibras nervosas de primeira ordem), secundário (constituído por gânglios pequenos e feixes de segunda ordem) e terciário (somente feixes de fibras de terceira ordem, que seguem paralelamente às fibras musculares longitudinais). Os gânglios possuem aspecto polimórfico em todas as porções analisadas do TGI. A CT resultou na distensão da parede visceral e, consequentemente, do plexo, tornando a rede menos densa, os gânglios alongados e as conexões mais finas entre as células adjacentes. 9Continua) O tratamento recuperou o aspecto controle do PM. As mensurações da área e do número de gânglios com atividade AChE obtida nos três grupos experimentais, mostrou um aumento significativo na área gânglionar total dos animais timpanizados em relação ao grupo controle. Não foi observada diferença significativa no número total de gânglios e nas médias das áreas dos xii diferentes tamanhos ganglionares entre os três grupos. Entretanto, no cólon ascendente houve uma diferença significativa entre o número de gânglios entre os grupos timpânico e recuperado. Os resultados permitem inferir que a CT provoca alteração no metabolismo colinérgico dos gânglios mientéricos. Os seis diferentes tipos morfológicos de neurônio, segundo classificação de Stach, mostraram atividade NADPH-d. O número de neurônios com atividade NADPH-d mostraram redução diferenciada entre as diferentes partes do intestino e de forma específica ara alguns dos seis tipos celulares Estas diferenças são discutidas de acordo com o papel fucional dos tipos neuronais propostos na literatura. De uma maneira geral, a diminuição da atividade NADPH-d dos tipos celulares propostos em outros animais como motoneurônios indicou que a CT afeta a principal função exercida pelo PM, de motilidade, especialmente das porções sacular do ceco e do cólon transverso. A diminuição do tipo neuronal II, considerado sensorial, afetado significativamente em todas as porções do cólon, coincide com a maior distensão observada neste na CT. As alterações observadas só não se mostraram reversíveis na porção sacular do ceco e no cólon ascendente, contudo foram reversíveis nas demais porções analisadas.
Abstract The chinchilla (Chinchilla lanigera) evokes great interest in fur commercialization and as pets. However, there are few informations about its physiology, especially the gastrointestinal tract (GIT) and its diseases. The GIT of these animals is long and has a complexity similar to lagomorphs: cecum with a coiled saccular portion, followed by a tubular portion which continues in a long ascending colon. These characteristics in association with a diet rich in grains and legumes facilitates the onset of tympanic colic (TC), which is characterized by marked distension of the cecum wall due to excessive accumulation of gases produced by fermentative digestion. Considering the onset of an illness can cause morphological and functional modifications of the enteric nervous system (ENS), the rodent C. lanigera was used to asses in situ modifications on the activity of the enzymes acetylcholinesterase (AChE) and diaphorase nicotinamide adenine dinucleotide phosphate (NADPH-d) in myenteric plexus (MP) neurons, using an experimental model of TC induced by dietary alterations. After two weeks of receiving the tympanism-inducing diet, the same diet of the control group was given to the recovery group, along with an anti-inflammatory drug (ketoprofen) for five days. The tympanism was confirmed by symptom analyses and by the Von Frey test. The tympanic and recovery groups showed and increase of abdominal sensibility after the onset of the disease (between the 11th and 18th days of the period in which the tympanism-inducing diet was given). With the drug treatment and the re-establishment of the diet (at day 23) the recovery group showed an abdominal sensibility similar to the control group. The necropsy revealed an increase of the cecum and ascending colon volumes in the tympanic animals, in addition to ischemia in the jejunoileal and ileocecal junctions and in the ascending colon, with mesenteric blood vessels infarction. In the recovery animals mesenteric blood vessels infarction was not present. The MP of a healthy C. lanigera is formed by an extensive ganglionar network of rectangular and uniform shape, and the ganglia are arranged in the same direction of the fiber bundles of the longitudinal muscle layer and are connected to each other by thick nerve branches. The MP is divided in three distinct networks: the primary plexus (formed by medium and large ganglia and bundles of nerve fibers of the first order); the secondary plexus (formed by small ganglia and bundles of second order); and the tertiary plexus (only bundles of third order fibers, which run parallel to the longitudinal muscle fibers). The ganglia showed a polymorphic aspect in all analyzed portions of the GIT. The TC resulted in distension of the gut wall and, therefore, the plexus, making the network less dense, the ganglia elongated and thinner connections between adjacent cells. The treatment restored the aspect of the MP to normal. Measurements of area and number of ganglia obtained with AChE activity in the three experimental groups revealed a significant increase in total ganglia area in the tympanic animals compared to the control group. There was no significant difference in the total number of ganglia and the mean of the areas of different ganglia sizes between the three groups. However, in the ascending colon there was a significant difference between the number of ganglia of the tympanic and recovery groups. These results demonstrate that the TC alters the cholinergic metabolism of myenteric ganglia. The six different morphological types of neurons, xiv according to Stach’s classification, had NADPH-d activity. The neurons with NADPH-d activity showed a differential reduction between different intestinal portions and between the six cell types. These differences are discussed according with the functional role of the neuronal types proposed by the literature. The decreased activity of NADPH-d in cell types proposed as motoneurons in other animals indicated that the TC affects the main function performed by the MP, which is the motility, especially in the saccular portions of the cecum and transverse colon. The decrease in type II cells, which are considered sensory neurons and were significantly affected in all portions of the colon, coincides with the largest distension of this portion observed in the TC. The changes observed were not reversible only in the saccular portion of the cecum and in the ascending colon, being reversible in the other analyzed portions.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/142852
Arquivos Descrição Formato
000836952.pdf (3.225Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.