Repositório Digital

A- A A+

Assembleia de Pentatomoidea em ambientes com diferentes níveis de intervenção antrópica na Mata Atlântica

.

Assembleia de Pentatomoidea em ambientes com diferentes níveis de intervenção antrópica na Mata Atlântica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Assembleia de Pentatomoidea em ambientes com diferentes níveis de intervenção antrópica na Mata Atlântica
Autor Bianchi, Filipe Michels
Orientador Campos, Luiz Alexandre
Co-orientador Mendonca Junior, Milton de Souza
Data 2012
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Biociências. Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal.
Assunto Mata Atlântica
Pentatomoidea
Resumo A Mata Atlântica é um dos mais ameaçados biomas brasileiros. Maior parte dele é composto por pequenos fragmentos que sofrem efeito de borda. Os insetos fitófagos são fortemente influenciados pelos fatores abióticos, e comunidades de Pentatomidae responderiam a distúrbios na Mata Atlântica com acréscimo na sua diversidade. O conhecimento de padrões ecológicos dos taxa são importantes nos estudos das comunidades sendo que a interpretação destas informações pode gerar estratégias para a conservação de diferentes hábitats. São escassos os trabalhos ecológicos com Pentatomoidea e também pouco explorados os seus estágios imaturos, usualmente excluídos de estudos de comunidades pela ausência de informação que permita a identificação das espécies. O objetivo deste trabalho foi comparar as assembleias de Pentatomoidea em ambientes com diferentes níveis de intervenção antrópica em duas formações vegetacionais, Floresta Ombrófila Densa (FOD) e Floresta Ombrófila Mista (FOM), da Mata Atlântica no Rio Grande do Sul, Brasil. Os pentatomoideos foram coletados nos Municípios de Maquiné e São Franscisco de Paula, representando a FOD e a FOM respectivamente, com guarda-chuva entomológico em seis trilhas em cada formação, divididas em ambientes com diferentes aberturas de copa, categorizados como abertos, intermediarios e fechados. Foram utilizadas as variáveis abióticas, temperatura, altitude, umidade do ar e velocidade do vento para avaliar a influência sobre a composição de Pentatomoidea. Foram coletados 1017 indivíduos de quatro famílias e 64 espécies. O ambiente aberto mostrou-se mais rico que os demais, e com maior abundância do que o fechado. Isto pode ser atribuído à maior heterogeneidade do sub-bosque dos ambientes abertos, com sua elevada produtividade primaria e uma relação generalista de Pentatomoidea. As estruturas das assembleias diferiram entre FOD e FOM. Cinco espécies foram responsáveis por mais de 65% da dissimilaridade entre as formações. A análise com variáveis abióticas separou as trilhas de cada formação, estando a FOD relacionada à temperatura e umidade do ar, e a FOM a altitude. As assembleias de Pentatomoidea podem estar intimamente relacionadas com uma história de isolamento entre as Florestas de Araucária e as Florestas Costeiras. Os fatores abióticos provavelmente são grandes responsáveis pela diferença da composição das assembleias da FOM e FOD atuando como filtros ambientais para Pentatomoidea. Elaborou-se uma lista das espécies de Pentatomoidea coletadas na Floresta Nacional de São Francisco de Paula, Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Foram registradas 44 espécies representando quatro famílias (Acanthosomatidae, Pentatomidae, Scutelleridae e Thyreocoridae). Duas novas espécies para a ciência foram coletadas. A partir do material coletado no Município do Maquiné foi analisada sob microscopia eletrônica de varredura a morfologia externa do ovo e primeiro e quinto instar de Cyrtocoris egeris Packauskas & Schaefer, que permitiu reconhecer estruturas únicas na superfamília e investigação do sistema odorífero dorso-abdominal externo.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/142879
Arquivos Descrição Formato
000858038.pdf (6.327Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.