Repositório Digital

A- A A+

Avaliação funcional da musculatura respiratória e periférica e sua relação com a capacidade de exercício e dispneia em pacientes com pneumonias intersticiais fibrosantes

.

Avaliação funcional da musculatura respiratória e periférica e sua relação com a capacidade de exercício e dispneia em pacientes com pneumonias intersticiais fibrosantes

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação funcional da musculatura respiratória e periférica e sua relação com a capacidade de exercício e dispneia em pacientes com pneumonias intersticiais fibrosantes
Autor Merola, Pietro Krauspenhar
Orientador Berton, Danilo Cortozi
Data 2016
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Ciências Pneumológicas.
Assunto Dispnéia
Doenças pulmonares intersticiais
Exercícios respiratórios
Músculos respiratórios
[en] Diffuse parenchymal lung diseases
[en] Dyspnea
[en] Exercise
[en] Interstitial lung diseases
[en] Respiratory muscles
[en] Skeletal muscle
Resumo Introdução: A área do músculo peitoral (AMP) é uma avaliação facilmente derivada da tomografia computadorizada do tórax com potencial de fornecer informações relevantes sobre outros músculos esqueléticos. A Disfunção muscular respiratória e periférica é cada vez mais reconhecida em pacientes com doença pulmonar intersticial (DPI). A sua relação com a capacidade de exercício tem sido controversa. Nosso objetivo foi investigar se AMP está relacionada com a força muscular esquelética respiratória e periférica em pacientes com DPI, e se a função dos músculos esqueléticos estaria reduzida e independentemente relacionada com a capacidade de exercício e dispneia nesses pacientes. Métodos: Estudo transversal onde foi realizado teste de exercício cardiopulmonar incremental em cicloergômetro com mensuração de pressão inspiratória máxima (PImax), pressão expiratória máxima (PEmax) e contração voluntária máxima (CVM) do quadríceps, antes e após o exercício. Os testes de função pulmonar em repouso e TC de tórax foram obtidos da rotina assistencial dos pacientes.
Abstract Background: Pectoralis muscle area (PMA) is an easily derived computed tomography-based assessment that can provide insight into clinical features of other skeletal muscles. Respiratory and locomotor muscle dysfunction has been increasingly recognized in patients with interstitial lung disease (ILD). Its contribution to exercise performance has been controversial. We aimed investigate if PMA is related with respiratory and locomotor skeletal muscle strength in ILD patients, and if skeletal muscle function is compromised and independently related with exercise capacity and dyspnea in these patients. Methods: Cross-sectional study where subjects performed incremental cycling cardiopulmonary exercise testing with maximal inspiratory pressure (MIP), maximal expiratory pressure (MEP), and quadriceps maximal voluntary contraction (MVC) before and after exercise.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/143039
Arquivos Descrição Formato
000992256.pdf (759.5Kb) Texto parcial Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.