Repositório Digital

A- A A+

Comparação dos resultados estéticos e de qualidade de vida entre pacientes submetidas à ressecção segmentar e à cirurgia oncoplástica no câncer de mama

.

Comparação dos resultados estéticos e de qualidade de vida entre pacientes submetidas à ressecção segmentar e à cirurgia oncoplástica no câncer de mama

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Comparação dos resultados estéticos e de qualidade de vida entre pacientes submetidas à ressecção segmentar e à cirurgia oncoplástica no câncer de mama
Autor Santos, Gabriela Rosali dos
Orientador Capp, Edison
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Neoplasias da mama
Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos
Qualidade de vida
Resumo As cirurgias conservadoras da mama (CC) podem resultar em deformidades e assimetrias que requerem correções futuras em cerca de 1/3 dos pacientes. Isto pode ter impacto negativo na qualidade de vida (QV). A cirurgia oncoplástica (COP), ao associar técnicas de mamoplastia, tem mudado as perspectivas da CC. No entanto, o número de estudos comparativos ainda é limitado. Portanto, este estudo teve como objetivo avaliar os resultados estéticos e a QV de pacientes com câncer de mama submetidas à ressecção segmentar e à COP. Dessa forma, foram incluídas 122 pacientes neste estudo transversal e multicêntrico, sendo 57 delas submetidas à COP (46,7%) na Unidade de Mama do Hospital Nossa Senhora das Graças, em Curitiba, e 65 submetidas à ressecção segmentar (53,3%) nos Hospitais Unimed, Regina e Municipal, em Novo Hamburgo. A avaliação estética foi realizada por quatro cirurgiões independentes e com experiência em reconstrução mamária, bem como pela aplicação do software BCCT.core. As pacientes também avaliaram o seu próprio resultado estético. A QV foi avaliada com a aplicação do SF-36. As pacientes da COP apresentaram uma proporção significativamente maior de resultados estéticos excelentes, classificados tanto pelo software (p=0,028) quanto pelos especialistas (p=0,002). No grupo ressecção segmentar, observou-se associação da idade, localização tumoral e tamanho das mamas com os resultados insatisfatórios. Não houve diferença significativa na QV entre os grupos. Apesar dos resultados considerados como excelentes terem sido superiores na COP, e da definição de sítios tumorais que podem ser considerados de risco para resultado estético insatisfatório na cirurgia conservadora clássica, bem como a relação com o volume mamário e a idade, nesta série os resultados estéticos insatisfatórios, não comprometeram a QV. Estudos com séries maiores de pacientes são necessários para definir melhor os grupos de pacientes onde a COP deve ser considerada como a primeira escolha na minimização da mutilação e melhoria da QV.
Abstract Breast conserving surgery (BCS) can result in deformities and asymmetries that require future corrections in around 1/3 of patients. This may have a negative impact on the quality of life (QOL). By associating mammoplasty techniques, oncoplastic surgery (OP) has been changing the perspectives of BCS. Nevertheless, the number of comparative studies is still limited. Therefore, this study aimed to evaluate the aesthetic results and the QOL of the patients with breast cancer undergoing lumpectomy and OP. This way, we included 122 patients in this transversal and multicentric study, and 57 of them underwent OP (46.7%) at the Breast Unit of Hospital Nossa Senhora das Graças, in Curitiba, while 65 patients underwent lumpectomy (53.3%) at Unimed, Regina and Municipal Hospitals, in Novo Hamburgo. The aesthetic evaluation was performed by four independent surgeons experienced in breast reconstruction, as well as through the evaluation using BCCT.core software. The patients also did a selfevaluation of their own aesthetic results. The QOL was evaluated with the use of SF-36. The OP group patients presented a significantly higher proportion of excellent aesthetic results, classified both by the software (p=0.028) and by the specialists (p=0.002). In the lumpectomy group, an association of age, tumor location and size of breasts with unsatisfactory results was observed. There was no significant difference as to QOL among the groups. Although the results considered as excellent have been higher in the OP group, and the definition of tumor sites have been considered risky for the aesthetic results in the classical conserving surgery, as well as concerning the relation between breast volume and age, in this series the unsatisfactory aesthetic results did not commit the QOL. Studies involving larger groups of patients are needed, so we can better define the groups of patients in which the OP must be considered as the first choice to minimize mutilation and improve the QOL.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/143119
Arquivos Descrição Formato
000995863.pdf (2.541Mb) Texto parcial Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.