Repositório Digital

A- A A+

Leguminosas e os estoques de carbono e nitrogênio do solo em experimento de longa duração

.

Leguminosas e os estoques de carbono e nitrogênio do solo em experimento de longa duração

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Leguminosas e os estoques de carbono e nitrogênio do solo em experimento de longa duração
Outro título Legumes and soil carbon and nitrogen stocks in a longterm experiment
Autor Weber, Mirla Andrade
Orientador Mielniczuk, Joao
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo.
Assunto Leguminosa
Química do solo
Resumo Com o objetivo de avaliar o efeito de diferentes sistemas de culturas e doses de nitrogênio (N) nos estoques de carbono (C) e N total do solo foi realizado este estudo em um experimento de longa duração instalado em um Argissolo Vermelho na Estação Experimental Agronômica da UFRGS em Eldorado do Sul, RS. Este experimento foi instalado em 1983 sob sistema plantio direto e consta de dez sistemas de culturas (aveia+vica/ milho revolvido, aveia/milho, aveia+vica/milho+caupi, lablabe+milho, aveia+vica/ milho, guandu+lablabe, guandu+milho, pousio/milho, pangola e descoberto) e duas doses de nitrogênio (0 e 180 kg ha-1 ano-1) aplicado na cultura do milho. Foram avaliados os estoques de C e N total do solo na camada de 0 – 20 cm no ano de 2005 e estimadas as quantidades de N fixadas pelas leguminosas e perdidas do adubo nitrogenado mineral em 21 anos. Além disso, foi avaliada a quantidade de N acumulado pelo milho semeado em todas as parcelas do experimento com três doses de N no ano de 2005 e pela aveia preta cultivada em sucessão no ano de 2006. Os maiores estoques de C e N total foram encontrados nos sistemas com leguminosas e com adubação nitrogenada, entretanto esta teve menor efeito que as leguminosas no incremento dos estoques. Os sitemas com guandu e lablabe, leguminosas de verão, acumularam, em média, 13,56 Mg C ha-1 e 970 kg N ha-1 na ausência de adubação nitrogenada em relação ao início do experimento. A quantidade estimada de N fixada pelas leguminosas variou de 817 a 2092 kg ha-1, enquanto que, dos 3180 kg N ha-1 aplicados na cultura do milho em 21 anos, 1525 kg ha-1 foram perdidos do sistema solo-planta. Na safra 2005/2006 a produção de matéria seca pela parte aérea, a quantidade de N acumulado e o rendimento de grãos de milho foi maior nos sistemas de culturas com leguminosas e na dose de 180 kg N ha-1. Os maiores estoques de N total nos sistemas com leguminosas se refletiram nas maiores quantidades de N acumulado pela aveia. Os resultados encontrados neste trabalho demonstram o importante papel da leguminosas em manter e aumentar o conteúdo da matéria orgânica do solo, bem como aumentar o suprimento de N às gramíneas.
Abstract The objective of this research was to evaluate the effect of cropping systems and nitrogen fertilization on C and N accumulation in a Paleudult soil. This study was set up in a long-term experiment (22 years) at the Esperimental Station of the Federal University of Rio grande do Sul, Eldorado do Sul, Brasil, that was established in 1983 constituted by ten no-till cropping systems (oat+vetch/corn revolved, oat/corn, oat+vetch/corn+cowpea, lablab+corn, oat+vetch/corn, pigeon pea+lablab, pigeon pea+corn, fallow/corn, Digitaria and bare soil) and two N rates applied to corn as urea ( 0 and 180 kg N ha-1). To evaluate the C and N stocks in 2005 the soil was sampled in two layers down to 0,20 m depth. N fixed by legumes and N lost from fertilizer (urea) in 21 years were estimated. Moreover, N uptake by corn cultivated in all the plots with three N fertilizer rates in 2005 and N uptake by oat cultivated in succession in 2006 were evaluated. The legume cropping systems and N fertilization resulted in the greatest soil C and N stocks. The systems with lablab and pigeon pea, summer legumes, without N fertilization, increased, an average, 13,56 Mg C ha-1 and 970 kg N ha-1. Estimated N fixed varied from 817 to 2092 kg ha-1, while, from 3180 kg N ha-1 applied to corn in 21 years, 1525 kg ha-1 were lost from the soilplant system. Corn N uptake, dry mass and yield were greater in legume systems and with 180 kg N ha-1. The greatest N stocks in legume systems reflected in greatest oat N uptake. The results found in this research stresses the important role of the legumes to maintain and increase soil organic matter, as well as to increase N supply for nonlegumes crops.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/14321
Arquivos Descrição Formato
000664359.pdf (472.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.