Repositório Digital

A- A A+

Uma análise da comercialização de bovinos para abate no Estado do rio Grande do Sul

.

Uma análise da comercialização de bovinos para abate no Estado do rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Uma análise da comercialização de bovinos para abate no Estado do rio Grande do Sul
Outro título A commercialization analysis of beef cattle for slaughter in the state of Rio Grande do Sul
Autor Suñe, Yara Bento Pereira
Orientador Prates, Enio Rosa
Co-orientador Barcellos, Julio Otavio Jardim
Data 2005
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Comercialização
Gado de corte
Produção animal
Resumo O presente trabalho analisou o comportamento do abate de bovinos a partir de dados de 32.307 lotes, totalizando 348.739 animais, oriundos do maior Frigorífico do Estado do Rio Grande do Sul, comparando o período de setembro de 2003 a agosto de 2004, buscando identificar mercados, tendências e propor orientações para os atuais sistemas de produção. Foram analisadas as informações referentes ao mês de abate, lote, microrregiões geográficas, sistema de compra, classificação comercial, número de animais, peso de carcaça e sexo. Os resultados demonstraram um abate homogêneo ao longo do ano, com diferentes picos em março (9,9%) e agosto (11,7%), constituído por um alto contingente de fêmeas (38%) e baixos preços por quilo vivo (US$ 0,60) comparado aos dados históricos. O sistema de compra predominante foi a rendimento de carcaça (82,3%) demonstrando uma mudança significativa na forma de aquisição da matéria prima por parte dos frigoríficos, sendo que destes, 28% corresponderam a classe Premium e 19,6% a classe exportação, o que totaliza a 47,6% de carcaças oriundas de animais que reúnem características de idade, peso e cobertura de gordura de melhor qualidade. Do total 16,5% representam carcaças de menor valor comercial demonstrando ainda uma parcela significativa de animais de baixa qualidade. Três microrregiões geográficas, Campanha Meridional, Ocidental e Central, forneceram 62% dos animais para o abate do Estado. Os resultados permitem concluir que a adoção de novas tecnologias de processos diminuíram os picos de safra entressafra com menor flutuação nos pesos. É observada, também, a segmentação de mercados, confirmada pelas diferentes classes comerciais e uma grande diversidade de sistemas de produção presente em todos as microrregiões estudadas. De todos os assuntos analisados, o baixo preço pode ser considerado o principal limitante à manutenção e evolução da bovinocultura de corte do RS.
Abstract The present work analyzed the beef cattle slaughtering trends based on the data of 32,307 allotments, in a total of 348,739 animals, from the largest beef processor in the State of Rio Grande do Sul. Compared the period from September, 2003 to August, 2004, aimed tendencies of the market proposing orientations to the actual production systems. Information analyzed was reacted to the month of slaughter, allotment, geographic micro regions, purchase systems, commercial classification, number of animals, carcass weight and sex. Results showed an homogeneous number of slaughterers throughout the year with peaks in March (9,9%) and August (11,7%), constituted by a high contingent of female animals (38%) and low prices per kg of live animals (US$ 0,60), compared to historical data. The predominant purchase system was based revenue system (82,3%) demonstrating a significant change in the way the slaughter houses purchase raw material. From these 82,3%, 28% corresponded to the Premium class and 19.6% to the export class, what sums up a total of 47.6% of carcasses from animals which feature characteristics of age, weight and fat coverage of the best quality. The classes which representing carcasses of low commercial value corresponded to 16.5% of the total, demonstrating that a significant amount of low quality animals is still to slaughter. Three geographic micro regions , Campanha Meridional, Ocidental and Central, supply 62% of the animals for slaughter in the State. The results allow to conclude that the adoption of new process technologies led to a decrease in the peaks of harvesting, the weight fluctuation and market segmentation, confirmed by the different commercial classed and a great diversity of production systems which are present in all the micro regions studied. From all the subjects analyzed, the low price can be considered the main constraint to the maintenance and development of the beef cattle breeding in the State of Rio Grande do Sul.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/14337
Arquivos Descrição Formato
000658222.pdf (892.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.