Repositório Digital

A- A A+

Arquitetura pedagógica para construção de competências de gestão através de simuladores de negócoios :

.

Arquitetura pedagógica para construção de competências de gestão através de simuladores de negócoios :

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Arquitetura pedagógica para construção de competências de gestão através de simuladores de negócoios :
Autor Schlatter, Gabriel Vianna
Orientador Behar, Patrícia Alejandra
Co-orientador Reategui, Eliseo Berni
Data 2016
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Centro de Estudos Interdisciplinares em Novas Tecnologias da Educação. Programa de Pós-Graduação em Informática na Educação.
Assunto Educação à distância
Gestão
[en] Business simulations
[en] Management competencies
[en] Pedagogical architectures
[es] Arquitecturas pedagógicas
[es] Competencias de gestión
[es] Simuladores de negocios
Resumo O uso de simuladores de negócios em cursos de administração de empresas tem crescido significativamente nos últimos anos. Entretanto, apesar da oferta no mercado de novas simulações, não houve um avanço proporcional no desenvolvimento dos aspectos pedagógicos de uso desse recurso. Os estudos realizados nessa tese têm como objetivo estruturar uma arquitetura pedagógica que utiliza simuladores de negócios para a construção de competências de gestão em cursos de administração. Para isto, investigou-se a prática educativa de professores brasileiros, americanos e europeus quando do uso dessa ferramenta, sistematizando as atividades realizadas a partir dos seus aspectos organizacionais, tecnológicos, metodológicos e de conteúdo. Os aspectos metodológicos da arquitetura, por apresentarem diversas atividades desenvolvidas, foram organizados de acordo com os momentos do processo de aprendizagem, quais sejam as práticas iniciais, as atividades de problematização, de instrumentalização e de síntese. Para definição dos aspectos organizacionais, em particular daqueles relacionados ao propósito da arquitetura, também se fez uma pesquisa procurando identificar quais são as competências de gestão desenvolvidas por simuladores de negócios. Foram entrevistados professores com mais de oito anos de experiência no uso de simuladores de negócios, além de 44 alunos que descreveram suas percepções sobre as atividades pedagógicas preferidas e as competências de gestão desenvolvidas. Este levantamento foi complementado por uma pesquisa documental sobre as sugestões dadas por desenvolvedores de simulações. A partir das contribuições de professores, alunos e desenvolvedores de simulações, foi proposta uma nova arquitetura pedagógica, chamada de AP-CompSim. A fim de avaliar a construção das competências de gestão nessa arquitetura, foi desenvolvido um teste de avaliação de conhecimentos e habilidades, com 24 questões estruturadas para este fim. O teste foi aplicado primeiramente em duas turmas, utilizando a arquitetura pedagógica que vinha sendo adotada regularmente em um curso de administração de empresas. Num segundo momento, o teste foi aplicado em duas turmas que adotaram a AP-CompSim, tendo-se comparando as competências desenvolvidas na arquitetura inicial com as da nova proposta, verificando-se que os perfis de aprendizagem foram modificados. A nova arquitetura resultou em um perfil de alunos com construção de competências em um nível mais elaborado de conhecimentos, quando comparados com os da arquitetura inicial. Além disso, o percentual de alunos que migrou de um perfil de construção conceitual para um mais elaborado subiu de 43% para 60%. Com isso, pôde-se comprovar que a arquitetura pedagógica proposta não apenas gerou construção de competências mais elaboradas, mas também aumentou o número de alunos que puderam construir competências de gestão através do simulador de negócios. Entre as principais contribuições desta tese estão a sistematização das atividades pedagógicas adotadas por professores numa estrutura pedagógica consistente, o desenvolvimento de um teste para avaliação de competências de gestão e a avaliação de competências construídas através de simuladores de negócios.
Abstract The use of business simulations in management courses has grown significantly in recent years. However, despite the offer of new simulations, there was not a proportionate advance in developing pedagogical aspects when using this tool. Studies in this thesis aim to structure a pedagogical architecture using business simulations to build management skills in management courses. With this intention, we investigated educational practice of Brazilian, American and European professors when using this tool, systematizing all activities in organizational, technological, methodological and content aspects. Methodological aspects of architecture, due to having various activities developed, were organized according to learning process moments, namely early practices, challenging problems activities, supporting and synthesis activities. It was also conducted a survey to define organizational aspects, particularly those related to the purpose of architecture, seeking to identify what are the management skills developed by business simulations. We interviewed professors with over eight years of experience in using business simulations, and 44 students who described their perceptions on educational activities and developed management skills. This survey was supplemented by a documentary research on suggestions given by simulations developers. Based on professors, students and developers contributions, we proposed a new educational architecture, called AP-CompSim. In order to assess constructed management skills thru this architecture, it was developed assessment tests for knowledge and skills, with 24 structured questions for this purpose. Test was first applied in two groups, using the pedagogical architecture that had been adopted in a regular course of business administration. Secondly, test was applied to two groups that have adopted AP-CompSim, having compared the skills developed in the initial architecture with the new proposal and verifying that learning profiles have been modified. New architecture has resulted in a profile of students with building skills in a more elaborate level of knowledge when compared with the initial architecture. Furthermore, the percentage of students who migrated from a conceptual construction profile for a more elaborate one increased from 43% to 60%. Thus, it was possible to prove that teaching architecture proposed not only generated more elaborate skills construction, but also increased the number of students who were able to build management skills through business simulator. Among main contributions of this thesis are the systematization of educational activities adopted by teachers in a consistent pedagogical structure, development of a test for evaluation of management skills and evaluation of skills built through business simulators.
Resumen El uso de simulaciones de negocios en cursos de administración ha crecido significativamente en los últimos años. Sin embargo, a pesar de la oferta en el mercado de nuevas simulaciones, no hube un avance proporcional en el desarrollo de los aspectos pedagógicos de la utilización de esta herramienta. Los estudios realizados en esta tesis tienen como objetivo estructurar una arquitectura pedagógica utilizando simulaciones de negocios para construir competencias de gestión en cursos de administración. Para esto, se investigó la práctica educativa de profesores brasileños, estadounidenses y europeos al usar esta herramienta, con la sistematización de las actividades en aspectos de organización, tecnológicos, metodológicos y de contenido. Los aspectos metodológicos de la arquitectura, porque han desarrollado diversas actividades fueron organizados de acuerdo a los tiempos del proceso de aprendizaje, es decir, las primeras prácticas, las actividades de problematización, instrumentalización y la síntesis. Para definir los aspectos de organización, en particular los relacionados con los fines de la arquitectura, también se llevó a cabo una encuesta tratando de identificar cuáles son las habilidades de gestión desarrolladas por simulaciones de negocios. Se entrevistó a los profesores con más de ocho años de experiencia en el uso de simulaciones de negocios, y 44 estudiantes que han descrito su percepción de las actividades educativas preferidas y de habilidades de gestión desarrolladas. Esta encuesta se complementó con una investigación documental sobre las sugerencias dadas por los desarrolladores de simulaciones. A partir de las contribuciones de los profesores, estudiantes y desarrolladores de simulaciones, se propone una nueva arquitectura educativa, denominada AP-CompSim. Con el fin de evaluar las habilidades de gestión construidas en esta arquitectura se desarrolló una prueba de evaluación de conocimientos y habilidades con 24 preguntas estructuradas para este propósito. La prueba se aplicó por primera vez en dos grupos, utilizando la arquitectura pedagógica que se había adoptado en un curso regular de administración de empresas. En segundo lugar, se aplicó la prueba a dos grupos que han adoptado la AP-CompSim, y, después de haber comparado las habilidades desarrolladas en la arquitectura inicial con la nueva propuesta, se puede verificar que los perfiles de aprendizaje se han modificado. La nueva arquitectura ha dado lugar a un perfil de estudiantes con habilidades de construcción en un nivel más elaborado de conocimientos en comparación con la arquitectura inicial. Por otra parte, el porcentaje de estudiantes que cambió de un perfil de construcción conceptual para una más elaborada aumentó del 43% al 60%. De este modo, fue posible demostrar que la arquitectura presentada no sólo generó construcción de competencias más elaboradas, pero también aumentó el número de estudiantes que eran capaces de construir habilidades de gestión a través del simulador de negocios. Entre las principales aportaciones de esta tesis son la sistematización de las actividades educativas adoptadas por profesores en una estructura pedagógica coherente, el desarrollo de una prueba para la evaluación de las competencias de gestión y la evaluación de competencias construidas a través de simuladores de negocios.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/143756
Arquivos Descrição Formato
000997460.pdf (4.015Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.