Repositório Digital

A- A A+

Perfil redox da classificação clínica de polipose nasal

.

Perfil redox da classificação clínica de polipose nasal

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Perfil redox da classificação clínica de polipose nasal
Outro título Profile redox of the clinical classification of nasal polyps
Autor Canata, Diego Mena
Orientador Benfato, Mara da Silveira
Data 2016
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Centro de Biotecnologia do Estado do Rio Grande do Sul. Programa de Pós-Graduação em Biologia Celular e Molecular.
Assunto Estresse oxidativo
Glutationa peroxidase
Otorrinolaringologia
Polipos nasais
[en] Glutathione peroxidase
[en] Glutathione S-transferase
[en] Nasal polyps
[en] Otorhinolaringology
[en] Oxidative stress
[en] Widal triad
Resumo Introdução: A polipose nasal (PN) é considerada uma condição inflamatória crônica da mucosa da cavidade nasal e seios paranasais de etiologia não muito clara. Há poucos dados sobre alterações epiteliais em PN e sua relação com a ação dos radicais livres. Muitas doenças estão ligadas a danos causados por espécies reativas de oxigênio (ROS) e de nitrogênio (RNSS) e ocorrem de um desequilíbrio entre eles e antioxidantes, o que for maior atividade de espécies reativas, o que chamamos de estresse oxidativo. Objetivo: O objetivo principal deste estudo é avaliar o estresse oxidativo em pólipos removidos cirurgicamente em 3 grupos de pacientes com polipose nasal (com PN unicamente, PN associado à asma e PN associado à asma e intolerância ao ácido acetilsalicílico) a fim de elucidar possíveis diferenças no perfil redox nestes grupos. Material e Métodos: Cinquenta e nove pacientes com diagnóstico de polipose nasal foram divididos em três grupos clínicos: um grupo controle PN unicamente, um grupo asma (PN associado à asma) e um grupo Widal (PN associado à asma e intolerância ao ácido acetilsalicílico). Medição e Resultados Principais: Neste trabalho defesas enzimáticas (superóxido dismutase, consumo de peróxido de hidrogênio, glutationa peroxidase e glutationa S-transferase) e defesas não enzimáticas (glutationa total, nitritos e nitratos, vitamina C e E) foram analisados. Também foi realizada a medição de danos em lipídios (malondialdeído) e proteínas (carbonila). No grupo asma, o consumo de peróxido de hidrogênio, atividade da glutationa peroxidase, níveis de malondialdeído e vitamina E foram significativamente menores do que no grupo de controle. Também foi realizada a medição de danos em lipídios (malondialdeído) e proteínas (carbonila). No grupo Widal foram encontrados níveis significativamente maiores de glutationa e nitritos e nitratos em relação ao grupo controle. Não foram encontradas diferenças entre os grupos em relação ao nível de carbonila e glutationa, tamanho dos pólipos, atividades da superóxido dismutase e S-transferase. Conclusões: A classificação redox dos grupos de PN foi parcialmente alcançada. Os pólipos do grupo asma possuem alterações nas defesas enzimáticas relacionadas com o peróxido de hidrogênio e a peroxidação lipídica, enquanto pólipos do grupo Widal apresentaram alterações nos níveis de óxido nítrico e glutationa.
Abstract Introduction: Nasal polyposis (NP) is considered a chronic inflammatory condition of the mucosa of the nasal cavity and paranasal sinuses of etiology is not very clear. There are few data on epithelial changes in nasal polyposis and its relation to the action of free radicals. Many diseases are linked to damage caused by reactive oxygen species (ROS) and nitrogen (RNSs) and occur from an imbalance between them and antioxidants, whichever is greater activity of reactive species, what we call oxidative stress. Objective: The primary objective of this study is to evaluate oxidative stress in polyps surgically removed in 3 groups of patients with nasal polyposis, in order to elucidate possible differences in redox profile in these groups. Methods: Fifty nine patients diagnosed with nasal polyposis were divided into three groups: a control group, an asthma group (NP with asthma) and a Widal group (NP with asthma and aspirin intolerance) in which patients had an association of NP, asthma and aspirin intolerance. Measurement and main results: In this work enzymatic defenses (superoxide dismutase, hydrogen peroxide consumption, glutathione peroxidase and glutathione S-transferase) and non-enzymatic defenses (total glutathione, measurement of nitrites and nitrates, vitamin C and E) were analyzed. Also the measurement of damage in lipids (malondialdehyde) and proteins (carbonyl) was conducted. In the asthma group, hydrogen peroxide consumption, glutathione peroxidase activity, malondialdehyde, and vitamin E levels were significantly lower than in the control group. The Widal group showed significant higher glutathione levels, nitrite and nitrate levels than found in the control group. No differences were found among the groups regarding carbonyl level, polyp size, superoxide dismutase, and glutathione S-transferase activities. Conclusions: The redox classification of the groups of NP was partly achieved. Polyps of patients with asthma have changes in enzymatic defense pathways related to hydrogen peroxide and lipid peroxidation while polyps of patients with Widal triad present changes in nitric oxide and glutathione.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/143816
Arquivos Descrição Formato
000992936.pdf (760.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.