Repositório Digital

A- A A+

Sobre a preservação de expoentes morfológicos na fonologia variável do português brasileiro

.

Sobre a preservação de expoentes morfológicos na fonologia variável do português brasileiro

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sobre a preservação de expoentes morfológicos na fonologia variável do português brasileiro
Outro título On the preservation of morphological exponents in the Brazilian Portuguese variable phonology
Autor Schwindt, Luiz Carlos da Silva
Resumo A partir do pressuposto de que processos fonológicos variáveis podem acessar informações morfológicas, defendemos, neste texto, que expoentes de morfemas monossegmentais são mais protegidos contra apagamentos do que porções fonológicas distribuídas em unidades morfológicas maiores. Dois fenômenos variáveis bastante debatidos em português brasileiro são analisados como evidências: a desnasalização de ditongos finais átonos (ex. homem ~ homi; pedem ~ pedi) e o apagamento de r em coda final tônica (ex. amor ~ amo∅; amar ~ ama∅). Propomos a formalização desses fenômenos na perspectiva da Teoria da Otimidade, numa abordagem em que restrições de natureza morfológica interagem com restrições fonológicas, a fim de assegurar consistência de exponência.
Abstract From the assumption that phonological variation can access morphological information, we advocate in this text that monosegmental morphemes are more protected from deletion than morphemes distributed in greater phonological structures. Two variable phenomena of Brazilian Portuguese quite discussed in the literature are analyzed here as evidence: denasalization of final unstressed diphthongs (eg. homem ~ homi ‘man’; pedem ~ pedi ‘they ask’) and r-deletion in stressed final codas (eg. amor ~ amo∅ ‘love’; amar ~ ama∅ ‘to love’). We propose a formal approach for these data in the Optimality Theory framework, assuming that morphological constraints interact with phonological ones in order to ensure Consistency of Exponence.
Contido em Domínios de lingu@gem. Uberlândia, MG. Vol. 10, n. 2 (abr./jun. 2016), p. [449]-465
Assunto Linguística
Teoria da otimidade
[en] Consistency of exponence
[en] Denasalization
[en] Optimality theory
[en] R-deletion
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/143977
Arquivos Descrição Formato
000998351.pdf (1.129Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.