Repositório Digital

A- A A+

Efetividade de tratamentos restauradores minimamente invasivos de lesões de cárie realizados na Faculdade de Odontologia da UFRGS : resultados parciais

.

Efetividade de tratamentos restauradores minimamente invasivos de lesões de cárie realizados na Faculdade de Odontologia da UFRGS : resultados parciais

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efetividade de tratamentos restauradores minimamente invasivos de lesões de cárie realizados na Faculdade de Odontologia da UFRGS : resultados parciais
Outro título Effectiveness of minimally invasive restorative treatments of caries performed in UFRGS dentistry school : partial results
Autor Demore, Fernanda Paludo
Cigolini, Thaís Viegas
Orientador Jardim, Juliana Jobim
Co-orientador Maltz, Marisa
Parolo, Clarissa Cavalcanti Fatturi
Data 2016
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Curso de Odontologia.
Assunto Cárie dentária
[en] Deep caries
[en] Dental caries
[en] Dental restoration permanent
[en] Selective caries removal
Resumo Objetivo: Avaliar a efetividade de tratamentos restauradores minimamente invasivos como selamento de lesões cavitadas, remoção parcial de tecido cariado em sessão única e tratamento expectante realizados por alunos de graduação na Faculdade de Odontologia da UFRGS. Materiais e métodos: Foi utilizada amostragem do tipo censo, na qual todos os pacientes atendidos entre os anos de 2008 e 2013 nas clínicas da Faculdade de Odontologia da UFRGS que apresentavam as condições estudadas poderiam participar da pesquisa. De uma amostra de 173 pacientes que receberam TE ou RPTC, 45 compareceram e foram reavaliados após um período de acompanhamento médio de quatro anos. Quinze pacientes também apresentavam restaurações convencionais envolvendo remoção total de tecido cariado e foram enquadrados no grupo Controle. O desfecho manutenção da vitalidade pulpar foi avaliado através de testes clínicos e exame radiográfico e o desfecho restaurador através de exame clínico segundo os critérios da Federação Dentária Internacional (FDI). O grupo de Selamento ainda não foi avaliado. Resultados: O sucesso restaurador foi semelhante nos três grupos, variando entre 75% e 100% no grupo TE, 80% e 100% no grupo RPTC, e 90% e 100% no grupo Controle (P>0,05). O sucesso pulpar foi de 50%, 79% e 80% para os grupos TE, RPTC e Controle, respectivamente, sem diferença estatisticamente significativa (P=0,31). Conclusão: Os resultados parciais sugerem que a longevidade restauradora de dentes que receberam tratamentos minimamente invasivos (TE e RPTC) é semelhante aos dentes que receberam tratamentos convencionais. A taxa de sucesso pulpar foi semelhante para o grupo RPTC, quando consideramos apenas os casos com restauração definitiva, e o grupo Controle.
Abstract Objective: To evaluate the effectiveness of minimally invasive restorative treatments such as sealing cavitated lesions, partial caries removal (PCR) in one session and stepwise excavation (SE) performed by undergraduate students. Materials and methods: Sample: all patients treated from 2008 to 2013 at the Dentistry School clinics presenting the conditions studied were able to participate in the survey. From 173 patients who received SE or PCR, 45 were reassessed after a mean follow up of four years. Fifteen of these patients also had deep caries lesions restored after complete caries removal and were framed in the control group. The pulp vitality outcome was assessed through clinical testing and radiographic examination and the restorative outcome was assessed through clinical examination according to the FDI World Dental Federation criteria. The Sealing group has not yet been rated. Results: The restorative success of the treatments was similar among the three groups, varying from 75% to 100% for the SE, from 80% to100% for the PCR, and from 90% to 100% for the Control (P>0,05). The pulp success was 50%, 79% and 80% for SE, PCR and Control groups, respectively (P=0,31). Conclusion: The partial results of this study suggest that restorative longevity of teeth with minimally invasive treatments (PCR and SE) is similar to the teeth with conventional treatment involving complete caries removal in deep lesions. The pulp success rate was similar between the PCR group when only the cases with final restoration were considered and the control group.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/147245
Arquivos Descrição Formato
000999385.pdf (1.627Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.