Repositório Digital

A- A A+

Foreign portfolio capital flows and stock returns : a study of Brazilian listed firms

.

Foreign portfolio capital flows and stock returns : a study of Brazilian listed firms

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Foreign portfolio capital flows and stock returns : a study of Brazilian listed firms
Autor Loncan, Tiago Rodrigues
Caldeira, João Frois
Abstract This study analyzed the effect of foreign portfolio capital flows on stock returns of Brazilian listed firms through a 6-factors APT model, in which an additional risk factor for foreign portfolio capital flows was included. First, an aggregate analysis was conducted. The partial effect of foreign portfolio capital flows on the IBOVESPA index’s returns was statistically significant and positive. Next, a disaggregate analysis was also implemented, in which portfolios of stocks were sorted by sector of economic activity, level of risk and level of corporate governance. Foreign portfolio capitals caused increases in returns especially for sectors related to commodities, industry and cyclical consumption. For the portfolios sorted by risk (in which the stocks’ betas were used as a risk parameter for sorting), foreign capitals increased the returns of mid-high and high beta portfolios, but decreased the returns of low and low-mid beta portfolios. For corporate governance portfolios, the firms listed on the Novo Mercado segment (according to BMF&Bovespa criteria) experienced a statistically significant revaluation effect. Overall, the results of the study provide support to the revaluation effect hypothesis.
Resumo Este estudo analisou o efeito dos fluxos de capital de portfólio nos retornos das ações de empresas brasileiras listadas em bolsa através de um modelo APT (Arbitrage Pricing Theory), no qual foi adicionado um fator de risco para os fluxos de capital de portfólio. Em uma análise agregada, o efeito parcial do fluxo de capital de portfólio no retorno do índice IBOVESPA foi estatisticamente significante e positivo. A seguir, uma análise desagregada foi realizada, na qual portfólios de ações foram formados utilizando o setor de atividade econômica, o nível de risco e o nível de governança corporativa. Fluxos de capital de portfólio causaram aumentos nos retornos especialmente para os setores de commodities, indústria e consumo cíclico. Para os portfólios de risco (nos quais o coeficiente beta das ações foi usado como parâmetro para classificação), os capitais de portfólio causaram aumentos nos retornos dos portfólios com beta médio-alto e alto, porém causaram decréscimos nos retornos dos portfólios com beta baixo-médio e baixo. Para os portfólios de governança corporativa, o portfólio de empresas listadas no segmento Novo Mercado teve o retorno afetado positivamente pelo fluxo de capitais. Em geral, os resultados do estudo corroboram a hipótese do “revaluation effect”.
Contido em Estudos econômicos. São Paulo. Vol. 45, n. 4 (out./dez. 2015), p. [859]-895
Assunto Fluxo de capitais
Mercado de capitais
Política monetária
[en] Arbitrage pricing theory
[en] Foreign portfolio capital flows
[en] Stock returns
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/147254
Arquivos Descrição Formato
000992541.pdf (1.109Mb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.