Repositório Digital

A- A A+

Comportamento ingestivo diurno de vacas primíparas em pastagem nativa dominada por capim-annoni-2 em função de suplementação protéica e mineral

.

Comportamento ingestivo diurno de vacas primíparas em pastagem nativa dominada por capim-annoni-2 em função de suplementação protéica e mineral

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Comportamento ingestivo diurno de vacas primíparas em pastagem nativa dominada por capim-annoni-2 em função de suplementação protéica e mineral
Outro título Diurnal ingestive behaviour of cows grazing on natural grasslands invaded by eragrostis plana ness as affected by protein and mineral supplements
Autor Carlotto, Silvane Barcelos
Orientador Medeiros, Renato Borges de
Co-orientador Saibro, Joao Carlos de
Data 2008
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Capim annoni
Nutrição animal : Suplemento alimentar
Pastagem nativa
Resumo Com o objetivo de estudar a interface planta-animal em pastagem nativa dominada por capim-annoni-2 (Eragrostis plana Ness), avaliou-se a influência da suplementação protéica e mineral sobre o comportamento ingestivo de novilhas em gestação, submetidas aos tratamentos: a) sal comum; b) sal mineral; c) sal proteinado; d) sal reprodução e proteinado. Testou-se a hipótese de que diferentes suplementos minerais e proteinados pudessem promover alterações no comportamento ingestivo em pastejo dos animais. O estudo foi desenvolvido no município de Rio Pardo – RS, em uma área de 37 ha de pastagem nativa invadida por capim-annoni-2, dividida em 8 potreiros (unidades experimentais). Os animais foram avaliados no período diurno, por dois dias consecutivos, em cada uma das estações climáticas, de abril de 2006 a março de 2007. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com duas repetições. Os resultados foram submetidos à análise de variância e ao teste F no nível de 10% de significância, utilizando-se o procedimento MIXED do pacote estatístico SAS (2001). Os resultados foram submetidos à análise de variância e ao teste F no nível de 10% de significância, utilizando-se o procedimento MIXED do pacote estatístico SAS (2001). Dentre os principais resultados destacam-se os tempos de pastejo, ruminação, ócio e outras atividades que não mostraram diferenças significativas (P≥0,10) entre suplementos, sendo que os valores médios diários para estas atividades foram 505, 108, 70 e 11 min., respectivamente. Para estações climáticas, o tempo de pastejo, ruminação, ócio e taxa de bocados apresentaram diferenças significativas (P≤0,10). O uso da suplementação protéica e mineral não evidenciou alterações significativas no comportamento ingestivo dos animais e na composição florística da pastagem nativa. O comportamento ingestivo e a composição florística foram influenciados pelas estações climáticas nas condições da região da Depressão Central.
Abstract A grazing experiment was conducted to study the interactions between the plant-animal interface on a native grassland dominated by capimannoni- 2 (Eragrostis plana Ness) in Southern Brazil. The influence of protein and mineral supplements on the ingestive behavior of pregnant heifers was tested under the following treatments: a) common salt; b) mineral salt; c) protein salt; and d) mixture of protein salt and reproduction salt. The study was carried on in Rio Pardo county - RS, in southern Brazil, on an area of 37 ha of native pasture invaded by capim-annoni-2, divided into 8 paddocks (experimental units). Animals were evaluated during the daylight period on two consecutive days, in each one of the climatic seasons, from April 2006 to March 2007. The experimental design was a completely randomized, with two replications. The results were submitted to the analysis of variance and to the F-test at the level of 10% significance, using the MIXED procedure of the SAS statistical package (2001). Amongst the main results stand out the grazing time, ruminating, idling and other activities, that did not show any significant differences (P≥0,10) between supplements, being the average daily values for these activities 505, 108, 70 and 11 min., respectively. For climatic seasons, on average, the time of grazing, ruminating, idling, and bite number per feeding station showed significant differences (P≤0,10). Supplementation with protein salt and mineral salt did not promoted significant changes in the ingestive behavior of animals and in the florístic composition of the native pasture. The ingestive behaviour was influenced by climatic seasons under the environmental conditions of the Central Depression region of Rio Grande do Sul state, Brazil.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/14731
Arquivos Descrição Formato
000667251.pdf (411.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.