Repositório Digital

A- A A+

Os meios e as condições de vida no espaço rural : o caso das famílias produtoras de tabaco em Arroio do Tigre (RS) e Laranjeiras do Sul (PR)

.

Os meios e as condições de vida no espaço rural : o caso das famílias produtoras de tabaco em Arroio do Tigre (RS) e Laranjeiras do Sul (PR)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Os meios e as condições de vida no espaço rural : o caso das famílias produtoras de tabaco em Arroio do Tigre (RS) e Laranjeiras do Sul (PR)
Outro título The livelihoods and life conditions in the rural space : the case of the families of tobacco producers in Arroio do Tigre (RS) and Laranjeiras do Sul (PR)
Autor Freitas, Tanise Dias
Rambo, Anelise Graciele
Sartorelli, Anderson
Resumo O presente trabalho pretende estabelecer uma análise a partir da realidade de agricultores familiares produtores de tabaco em dois municípios, a saber: Arroio do Tigre, no Rio Grande do Sul e Laranjeiras do Sul, no Paraná. A ideia central está em demonstrar, a partir da análise das condições e dos meios de vida, que a heterogeneidade é uma característica marcante do rural brasileiro, desde a sua organização produtiva até a diversidade socioeconômica, inclusive em regiões tipicamente produtoras de tabaco. Este trabalho tem como base teórica e metodológica a abordagem das capacitações de Amartya Sen e da diversificação dos meios de vida de Frank Ellis, que tratam o desenvolvimento humano e as condições de vida para além do aspecto renda e produtividade. Para captar tais características, foram utilizados dois instrumentos de pesquisa, cujos resultados deram origem a dois índices: o Índice de Meios de Vida - IMV e o Índice de Condições de Vida - ICV. A análise comparativa ocorreu nessa instância de dados. Os resultados demonstraram que mesmo se tratando somente de produtores de tabaco, é necessário atentar para a diversidade das famílias e das demandas locais e regionais, reconhecendo a heterogeneidade dos aspectos econômicos, ambientais, sociais, humanos e físicos do meio rural, não se restringindo à perspectiva técnico-produtiva. Ainda, essa diversidade observada nos meios de vida das famílias pesquisadas em ambos os municípios – que se referem, entre outros, ao grau de diversificação das famílias, à satisfação com a produção do tabaco, às motivações que levaram a investir nessa produção – alerta para a necessidade da compreensão e reconhecimento dessa diversidade por parte das políticas de desenvolvimento regional e rural e, em especial, pelas políticas de diversificação em áreas produtoras de tabaco.
Abstract This paper aims at establishing an analysis starting from the reality of family farmers producing tobacco of two towns, namely: Arroio do Tigre, Rio Grande do Sul and Laranjeiras do Sul, Paraná. The central idea is to demonstrate, from the analysis of the conditions and livelihoods, that heterogeneity is a striking feature of the Brazilian rural, since its productive organization until socioeconomic diversity, particularly in typical tobacco regions. This work has theoretical and methodological bases in the Capability Approach of Amartya Sen and Diversification of Livelihoods Frank Ellis approach which deal with human development and living conditions beyond the aspect income and productivity. To capture these features, methodologically two research instruments were used; the result of these searches has yielded two indices: the Index of Livelihoods (IMV) and the Living Condition Index (LCI). A comparative analysis of data occurred in this instance. The results showed that even when dealing only tobacco producers is necessary to consider the diversity of families and local and regional demands, recognizing the heterogeneity of economic, environmental, social, human and physical aspects of rural areas, not limited to prospect technicalproductive. Still, this diversity observed in the livelihoods of families surveyed in both counties - which refer, amongst others the degree of diversification in properties, satisfaction with tobacco production, the motivations that have led to invest in this production - alert to the need for understanding and recognition of this diversity by political regional and rural development and, in particular, the policies of diversification in tobacco-producing areas.
Contido em Redes : revista do desenvolvimento regional. Santa Cruz do Sul, RS. Vol. 20, n. 3 (2015), p. 138-162
Assunto Agricultura familiar
Arroio do Tigre (RS)
Desenvolvimento rural
Espaço rural
Laranjeiras do Sul (PR)
Sociologia rural
Tabaco
[en] Development
[en] Livelihoods
[en] Living conditions
[en] Tobacco
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/147347
Arquivos Descrição Formato
000990266.pdf (365.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.