Repositório Digital

A- A A+

Tannin extracts on quality of fresh cut crisp leaf lettuce

.

Tannin extracts on quality of fresh cut crisp leaf lettuce

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Tannin extracts on quality of fresh cut crisp leaf lettuce
Outro título Extratos de taninos na qualidade de alface crespa minimamente processada
Autor Klug, Tammila Venzke
Segaspini, Moises Jardim
Novello, Júnia Capua de Lima
Moresco, Amanda Bianchini
Paiva, Ana Raisa Nunes
Rios, Alessandro de Oliveira
Tondo, Eduardo Cesar
Bender, Renar João
Abstract In the present study, tannin extracts (rinsed or not) were compared to the use of sodium hypochlorite and tap water on fresh cut crisp leaf lettuce stored under modified atmosphere packaging. Effects of these sanitizers on total color difference and microbial levels of the product after sanitization and storage for 9 days at 3°C were evaluated. Performance of rinsed SM® tannin extract was comparable to the results of chlorine solution for all the analyzed parameters and; furthermore, that extract presented a high reduction in the initial bacterial count of minimally processed lettuce. However, storage of tannin extracts, did not impart better outcomes than the use of tap water. Therefore, the tannin extract storage SM® could be used in washing water to reduce the initial microbiological load, avoiding cross contamination in vegetables minimally processed.
Resumo Extratos de taninos (com e sem enxague) foram comparados com o uso de hipoclorito de sódio e água em alface crespa minimamente processada, sob atmosfera modificada. Foram avaliadas diferença total de cor e análises microbiológicas após a sanitização e durante o armazenamento dos produtos (9 dias à 3°C). O extrato de tanino SM® com enxague apresentou resultados semelhantes aos da solução de cloro para todos os parâmetros analisados e, além disso, apresentou uma elevada redução da contagem inicial microbiológica de alface minimamente processada. No entanto, durante o armazenamento, SM® não apresentou melhores resultados do que o uso de água. Portanto, SM® poderia ser utilizado na desinfecção da água de lavagem das alfaces, reduzindo a microbiota inicial e, assim, impedir a contaminação cruzada durante o processamento mínimo de vegetais.
Contido em Ciência rural. Santa Maria. Vol. 46, n. 8 (ago. 2016), p. 1357-1363
Assunto Alface
Pós-colheita
Tanino
[en] Acacia mearnsii De wild
[en] Fresh cut lettuce
[en] Postharvest storage
[en] Tannin extracts
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/147485
Arquivos Descrição Formato
000996531.pdf (474.7Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.