Repositório Digital

A- A A+

Ocorrência de perimplantite e preditores associados : estudo observacional transversal aninhado e um ensaio randomizado

.

Ocorrência de perimplantite e preditores associados : estudo observacional transversal aninhado e um ensaio randomizado

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Ocorrência de perimplantite e preditores associados : estudo observacional transversal aninhado e um ensaio randomizado
Outro título Occurrence of peri-implantitis and associated predictors : crossectional observational study nested to a randomized trial
Autor Soares, Pedro Cardoso
Orientador Haas, Alex Nogueira
Data 2016
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Curso de Odontologia.
Assunto Implantes dentários
Periodontia : Doencas
[en] Dental implants
[en] Peri-implantitis
Resumo O objetivo deste estudo foi avaliar a ocorrência e indicadores de risco para perimplantite em uma amostra de conveniência na cidade de Porto Alegre. Esta pesquisa se caracteriza por um estudo observacional transversal aninhado a um ensaio controlado randomizado. Do processo de seleção de pacientes deste ensaio foram provenientes os indivíduos que compuseram a amostra do presente estudo. Um questionário semi-estruturado foi utilizado abordando fatores comportamentais, aspectos de saúde e características dos implantes. Os implantes presentes em cada paciente passaram por exame clínico de perda de inserção perimplantar, profundidade de sondagem e sangramento submucoso, em seis sítios por implante. Perda óssea foi mensurada através de radiografias padronizadas com posicionador. Distribuição de freqüência e modelos de regressão logística foram aplicados. Um total de 78 pacientes foram avaliados. A ocorrência de perimplantite encontrada foi de 23,1%. Tempo (OR=2,97) e número (OR=3,16) de implantes estiveram associados a um maior chance de perimplantite. Sintomas auto-reportados pela amostra não demonstraram nenhum tipo de relação com perimplantite. Pode-se concluir que a perimplantite pode acometer até um quinto dos pacientes com implantes. Preditores associados a sua ocorrência ainda precisam ser mais estudados para a definição de abordagens preventivas.
Abstract The objective of this study was to evaluate the occurrence of peri-implantitis and associated predictors in a convenience sample from Porto Alegre. This cross-sectional study was nested to a randomized clinical trial (RCT). The sample of this study was comprised by patients with implants screened to be included in the RCT for testing treatments of peri-implantitis. A semistructured questionnaire was used to record behavioural factors, health conditions and implant characteristics. Implants were examined to record clinical attachment loss, probing depth and submucosal bleeding. Bone loss was measured through standardized periapical radiographs. Frequency distribution, chi-square tests and logistic regression were applied. A total of 78 patients were evaluated. The occurrence of peri-implantitis was 23.1%. Time (OR=2.97) and number (OR=3.16) of implants were significantly associated with higher chances of periimplantitis. Self-reported symptoms were not associated with peri-implantitis presence. It can be concluded that peri-implantitis may be present in one fifth of patients. Assocated predictors still need to be studied for the definition of preventive approaches.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/147800
Arquivos Descrição Formato
000999863.pdf (1.004Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.