Repositório Digital

A- A A+

O que diz a literatura sobre proteção perineal no parto vaginal : em busca de argumentos para as boas práticas na atenção ao parto

.

O que diz a literatura sobre proteção perineal no parto vaginal : em busca de argumentos para as boas práticas na atenção ao parto

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O que diz a literatura sobre proteção perineal no parto vaginal : em busca de argumentos para as boas práticas na atenção ao parto
Autor Hejazi, Ângela Meneguzzi
Orientador Armellini, Claudia Junqueira
Data 2016
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Especialização em Enfermagem Obstétrica.
Assunto Enfermagem obstétrica
Episiotomia
Parto normal
Períneo
[en] Episiotomy
[en] Midwifery
[en] Normal birth
[en] Perineum
Resumo Buscou-se neste estudo conhecer o que diz a literatura sobre a proteção perineal no parto vaginal, em busca de argumentos para as boas práticas na atenção ao parto. Tal estudo justifica-se pela necessidade de realizar um Plano de Intervenção sobre a proteção perineal em meu local de trabalho. Trata-se de uma Revisão Integrativa de pesquisa. A amostra foi composta por nove artigos científicos pesquisados nas Bases de Dados de Enfermagem (BDENF), Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS) e na biblioteca Scientific Eletronic Library Online (SciELO), no período de 2005 a 2014, no idioma português. Identificou-se as seguintes técnicas de proteção perineal utilizadas na assistência ao parto vaginal: posição lateral da parturiente no período expulsivo; puxos espontâneos; restrição do uso de episiotomia, de ocitocina e da posição horizontal; posição vertical como fator de proteção; suporte perineal durante o desprendimento cefálico; proteção/contenção do períneo; lubrificação do períneo; massagem perineal; abaixar/rebaixamento o períneo; aproximar a fúrcula durante o coroamento do feto e evitar o tracionamento do feto durante o desprendimento cefálico. Os resultados encontrados responderam a questão norteadora dessa Revisão Integrativa e proporcionou corroborar com conhecimentos anteriormente adquiridos, ou seja, que algumas tecnologias não são efetivas para todas as mulheres e devem ser utilizadas sob determinados critérios, algumas não apresentam qualquer eficácia e outras têm efetividade maior. Entretanto, este estudo identificou a escassez de publicações científicas acerca das técnicas de proteção perineal, disponíveis em língua portuguesa. Propõe-se como medidas de intervenção a apresentação e a discussão das técnicas de proteção perineal identificadas nesta revisão integrativa às enfermeiras do Centro Obstétrico do Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC). Também pretende-se incluir o registro, no prontuário das parturientes e no Livro de Controle de Partos Realizados pelas Enfermeiras Obstétricas, das técnicas de proteção perineal utilizadas, a fim de possibilitar a quantificação e a descrição dessas técnicas e a criação de indicador de qualidade da assistência ao parto. Tais medidas possibilitarão a implementação deste conhecimento, refletido nos índices de realização de episiotomia e de laceração perineal, de redução de infecção e de hemorragia, e consequentemente da morbidade e mortalidade materna.
Abstract In the present study we seek to know what does the literature on perineal protection in vaginal delivery, searching for arguments to best practices in care delivery. This study is justified by the need for an Intervention Plan on perineal protection in my workplace. This is an integrative review research. The sample is composed by nine scientific articles from databases of nursing (BDENF), Latin American and Caribbean Health Sciences( LILACS) and the library Scientific Electronic Library Online (SciELO), obtained from 2005 to 2014, in the Portuguese language. This study identified the following perineal protection techniques used in assisted vaginal delivery: lateral position of the woman in labor in the second stage; spontaneous bearing down; restriction of the use of episiotomy, oxytocin and horizontal position; vertical position as a protective factor; perineal support during the head detaching; protection / containment of the perineum; lubrication of the perineum; perineal massage; lower the perineum; bringing the wishbone for the crowning of the fetus and to avoid pull the fetus during head detaching and provided corroborate previously acquired knowledge, namely, that some technologies are not effective for all women and must be used under certain criteria, some show no effect and others have greater effectiveness. The results answered the question guiding this integrative review. However, from this study we observed the lack of scientific publications about the perineal protection techniques available in Portuguese language. It is proposed as intervention measures presentation and discussion of perineal protection techniques identified in this integrative review the midwives of the Obstetric Center of the Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC). It also intends to include the record, in records of the mothers and the Parthians control book done by Nurses Obstetric, the perineal protection techniques in order to enable quantification and description of these techniques and the creation of quality indicator care delivery.These measures will enable the implementation of this knowledge, reflected in the rates of episiotomy and conducting of perineal laceration, reduction of infection and bleeding, and consequently maternal morbidity and mortality.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/147945
Arquivos Descrição Formato
001001194.pdf (537.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.