Repositório Digital

A- A A+

Política e finanças : um estudo sobre o impacto das contribuições a campanhas políticas nas empresas brasileiras

.

Política e finanças : um estudo sobre o impacto das contribuições a campanhas políticas nas empresas brasileiras

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Política e finanças : um estudo sobre o impacto das contribuições a campanhas políticas nas empresas brasileiras
Autor Davi, Mariana Gesswein
Orientador Portugal, Marcelo Savino
Data 2016
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Campanha política
Financiamento
[en] Campaign contributions
[en] Cumulative abnormal return
[en] Fixed effects
[en] Return on equity
Resumo Este trabalho visa identificar possíveis vantagens que as empresas obtêm ao contribuir com campanhas políticas. Para isso, foi utilizada uma extensa base de dados com informações de doações a candidatos aos cargos de deputado, senador e presidente nas eleições de 2006 e 2010. As variáveis de interesse analisadas foram o retorno anormal cumulativo à época da divulgação do resultado das eleições e o retorno sobre o patrimônio líquido no ano posterior a cada eleição. Foram estimadas regressões de dados em painel através de mínimos quadrados ordinários, e incluídos efeitos fixos de ano e setor das empresas. Os resultados indicam que não apenas o mercado antecipa benefícios futuros para as empresas que contribuíram com campanhas – o que se reflete em retornos anormais cumulativos positivos à época da eleição – mas também estas empresas apresentam retornos sobre o patrimônio líquido superiores aos daquelas que não participaram do processo político. Além disso, doações a candidatos vencedores geram retorno superior aos de doações a candidatos perdedores; o que vai ao encontro da hipótese de retribuição de favores. De forma similar, contribuições a candidatos filiados à coligação do presidente eleito também apresentaram impacto superior quando comparadas com doações a candidatos da oposição.
Abstract This paper aims to identify potential benefits that companies obtain by contributing to political campaigns. We used an extensive database with information on donations to House, Senate and Presidency candidates in the 2006 and 2010 elections. The variables of interest analyzed were the cumulative abnormal return by the time the results of each election became know and the return on equity in the year following the election. Panel regressions were estimated as ordinary least squares (OLS), and fixed effects of year and industry were included. The results indicate that not only the market anticipates future benefits for companies that contributed to campaigns - which is reflected in positive cumulative abnormal returns at the announcement of the election results - but these companies also have higher returns on equity than those that were not involved in the political process. In addition, donations to winning candidates generate higher returns than donations to losing candidates; which supports the return of favors hypothesis. Similarly, contributions to candidates affiliated to the president’s coalition's also had higher impact when compared to donations to the oposition candidates.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/147964
Arquivos Descrição Formato
001000626.pdf (819.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.