Repositório Digital

A- A A+

Avaliação do nível de vibração de corpo inteiro (VCI) em usuários de trens urbanos em Porto Alegre e região metropolitana

.

Avaliação do nível de vibração de corpo inteiro (VCI) em usuários de trens urbanos em Porto Alegre e região metropolitana

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação do nível de vibração de corpo inteiro (VCI) em usuários de trens urbanos em Porto Alegre e região metropolitana
Outro título Whole body vibration levels of evaluation in commuter rail users in Porto Alegre and the metropolitan area
Autor Fedatto Neto, Mário
Orientador Gomes, Herbert Martins
Data 2016
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Mecânica.
Assunto Engenharia mecânica
[en] Exposure to vibration
[en] Human body vibration
[en] ISO 2631
[en] NR-15
[en] Trains
[en] VCI
[en] Whole body vibration
Resumo Os trens urbanos e metrôs são uma realidade brasileira e nas grandes capitais fazem parte no modal terrestre urbano. Sem dúvida, eles agregam bastante valor às possibilidades de mobilidade em grandes cidades tendo atualmente uma quantidade de usuários muito elevada. Problemas ou modificações em seu funcionamento afetam uma parcela considerável de seus utilizadores, como o que acontece na eventualidade de problemas técnicos ou greves gerais, diminuindo o índice de satisfação deste meio de transporte. Um aspecto que é delegado a segundo plano diz respeito às condições em que é feito o transporte, sendo uma temática recorrente a sua disponibilidade, lotação e segurança. Ultimamente a vibração e o ruído produzido por este meio de transporte inserido em ambiente urbano têm preocupado a qualidade de vida nos entornos e vizinhanças das linhas. Entretanto, o conforto térmico, acústico, ergonômico e vibracional também devem ser levados em conta do ponto de vista do usuário, visto que pode ser um bom argumento para campanhas que visem a troca da escolha do transporte individual pelo coletivo. Neste sentido, são avaliados os níveis de vibração de corpo inteiro nos trens urbanos de Porto Alegre (Trensurb) em algumas situações com vistas a quantificar estes níveis e eventualmente compará-los, seguindo orientações da norma IS0 2631 e a NR-15 quanto à critérios de saúde. É utilizado o analisador de vibrações Quest VI-400PRO. Com os dados obtidos com auxílio do equipamento, são obtidos prognósticos para que os futuros projetos de trens se beneficiem dos valores avaliados e medidos com este trabalho, além da avaliação dos limites de exposição à vibração na utilização deste transporte atualmente. Em geral, os níveis de vibração averiguados para valor de dose de vibração (VDV) se mostraram bastante baixos e aceitáveis diante das faixas estabelecidas como perigosas ou insalubres pelas normas relativas à saúde. Com relação à vibração diária de exposição, A(8), os valores verificados foram bem baixos, tendo as vibrações medidas no encosto, assento e piso em pontos no veículo ficado abaixo do nível de ação, entre 0,5 e 1,1 m/s², e muito longe ao limite de exposição.
Abstract Urban trains and subways are a Brazilian reality and in the big cities is part of the urban modal transportation. No doubt they add enough value to the possibilities of mobility in large cities now have a very high number of users. Problems or changes in their functioning affect a considerable portion of users and commuters, such as what happens in the event of technical problems or general strikes, reducing the level of satisfaction of this way of transportation. One aspect that is delegated to the background concerns the conditions in which transport is made, and a recurring theme the availability of transport, its capacity and safety. Lately, vibration and noise produced by this means of transport inserted in an urban environment are concerned about the quality of life in neighborhoods and environments of transportation lines. However, thermal comfort, acoustic, ergonomic and vibration should also be taken into account from the user’s point of view, since it may be a good argument for campaigns aimed at changing the choice of individual transport to a collective one. In this sense, it is proposed to evaluate the whole body vibration levels in urban trains in Porto Alegre (Trensurb) in some situations in order to quantify these levels and eventually compare them, following the standard IS0 2631 and NR-15 concerning safety levels. The vibration analyzer Quest VI-400PRO is used in the measurements. The vibration data obtained with the help of the equipment allows the vibration prognosis for future rail projects that will benefit from the measured and assessed values with this work, in addition to the verification of exposure limits to vibration in this transport these days. Generally speaking, the investigated vibration levels for vibration dose value (VDV) proved quite low and acceptable when compared to the ranges established as dangerous or unhealthy by the standards concerning health effects. Regarding the daily vibration exposure, A(8), the values obtained were very low, and vibration measurements on the back, seat and floor at points in the vehicle were below the action level between 0.5 and 1.1 m / s², and far from the exposure limit.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/148032
Arquivos Descrição Formato
001001143.pdf (1.425Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.