Repositório Digital

A- A A+

Análise de polimorfismos dos genes KIR e HLA classe I em pacientes com câncer colorretal

.

Análise de polimorfismos dos genes KIR e HLA classe I em pacientes com câncer colorretal

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Análise de polimorfismos dos genes KIR e HLA classe I em pacientes com câncer colorretal
Autor Silva, Pamela Portela da
Orientador Roesler, Rafael
Data 2016
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Antígenos HLA
Neoplasias colorretais
Receptores KIR
[en] Colorectal cancer
[en] Human leukocyte antigen
[en] Killer cell immunoglobulin-like receptor
[en] Natural killer cell
Resumo O câncer colorretal (CCR) pode ocorrer em qualquer parte do cólon ou do reto e representa o terceiro câncer mais comum no mundo em ambos os sexos. As células Natural Killer (NK) fazem parte do sistema imune inato reconhecendo moléculas de HLA de classe I em células alvo, através de seus receptores de membrana killer cell immunoglobulin-like receptors (KIR). O objetivo deste estudo foi avaliar a associação entre os genes KIR e os ligantes HLA em pacientes com câncer colorretal e controles saudáveis. Examinamos o polimorfismo de 16 genes KIR e seus ligantes HLA em 154 pacientes caucasóides com CCR e 216 controles saudáveis pela técnica de PCR-SSO e PCR-SSP. Quando comparamos os dois grupos, não foram encontradas diferenças significativas para os ligantes HLA e os genes KIR após correção de Bonferroni. Entretanto, o grupo de genótipos Bx (heterozigoto e homozigoto para o haplótipo B) foi mais frequente nos controles, quando comparados com os pacientes. Estes achados sugerem que altos níveis de ativação de sinais KIR aparecem como proteção para o câncer colorretal.
Abstract Colorectal cancer (CRC) can occur anywhere in the colon or rectum and represents the third most common cancer in the world in both sexes. Natural killer cells (NK) are part of the innate immune system recognizing class I HLA molecules on target cells through their membrane receptors, called killer cell immunoglobulin-like receptors (KIR). The aim of our study was to evaluate the association between the KIR genes and HLA ligands in patients with colorectal cancer and healthy controls. We examined the polymorphism of 16 KIR genes and their HLA ligands in 154 caucasoid CRC patients and 216 healthy controls by PCR-SSO and PCR-SSP. When both groups were compared, no significant differences were found for HLA ligands and KIR genes after Bonferroni correction. However, the Bx group genotypes (heterozygous and homozygous for the haplotype B) were more frequent in controls, when compared with patients. These findings suggest that individuals with Bx genotypes could have some protection to colorectal cancer. These findings suggest that higher levels of activating KIR signals appear as protective to colorectal cancer.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/148088
Arquivos Descrição Formato
001000321.pdf (1.742Mb) Texto parcial Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.