Repositório Digital

A- A A+

Cetoacidose diabética em cães e gatos: revisão de literatura

.

Cetoacidose diabética em cães e gatos: revisão de literatura

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Cetoacidose diabética em cães e gatos: revisão de literatura
Autor Gazzoni, Carolina Perozzo
Orientador Pöppl, Alan Gomes
Data 2016
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do sul. Faculdade de Veterinária. Curso de Medicina Veterinária.
Assunto Cetoacidose diabética
Diabetes mellitus : Tratamento
Endocrinologia animal
Hidratação
Hiperglicemia
[en] Acidosis
[en] Blood glucose
[en] Diabetes mellitus
[en] Diabetic ketoacidosis
Resumo A cetoacidose diabética é uma complicação metabólica grave e potencialmente fatal e pode afetar até 35% dos pacientes recém-diagnosticados diabéticos, além de cães e gatos portadores de diabetes mellitus que não recebem tratamento adequado ou, ainda, que sofrem intercorrências, como situações de estresse, infecção, inflamações ou outros distúrbios hormonais concomitantes à falta de insulina ou resistência periférica à sua ação. O animal em um quadro de cetoacidose diabética apresenta hiperglicemia, acidose metabólica, cetonemia, perda elevada de eletrólitos e intensa desidratação, associados a manifestações clinicas tais como estupor, respiração padrão Kussmaul, anorexia e êmese acentuados. O diagnóstico é baseado nas evidências clínicas e confirmado por mensuração da glicemia, urinálise e hemogasometria. Os protocolos de tratamento utilizados buscam reestabelecer a hidratação do paciente, reequilibrar eletrólitos e reduzir a glicemia e a produção de corpos cetônicos gradativamente.
Abstract Diabetic ketoacidosis is a severe metabolic complication and it is potentially fatal. It can affect 35% of recently diagnosed diabetic patients, in addiction to dogs and cats with diabetes mellitus who do not receive right treatment or those who pass through stress, infections, inflammation, or other hormonal disorders concomitant to the lack of insulin or resistance to its action. An animal in diabetic ketoacidosis shows hyperglycemia, metabolic acidosis, ketonemia, loss of electrolytes and intense dehydration associate with clinical manifestations such as stupor, Kussmaul breathing pattern, anorexia and vomiting. The diagnosis is based on clinical evidences and confirmed by measurement of blood glucose, urinalysis and hemogasometry. Treatment protocols act to restore the hydration of the patient, rebalancing electrolytes and reduce blood glucose and production of ketone bodies gradually.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/148237
Arquivos Descrição Formato
001000905.pdf (411.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.