Repositório Digital

A- A A+

Avaliação da concordância dos resultados da técnica de PCR e da técnica de imunodifusão rápida para o diagnóstico do vírus da imunodeficiência felina (FIV) e da leucemia felina (felv) em amostras de sangue de gatos atendidos no setor de medicina felina do HCV/ UFRGS

.

Avaliação da concordância dos resultados da técnica de PCR e da técnica de imunodifusão rápida para o diagnóstico do vírus da imunodeficiência felina (FIV) e da leucemia felina (felv) em amostras de sangue de gatos atendidos no setor de medicina felina do HCV/ UFRGS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação da concordância dos resultados da técnica de PCR e da técnica de imunodifusão rápida para o diagnóstico do vírus da imunodeficiência felina (FIV) e da leucemia felina (felv) em amostras de sangue de gatos atendidos no setor de medicina felina do HCV/ UFRGS
Autor Bisol, Juliana
Orientador Costa, Fernanda Vieira Amorim da
Co-orientador Valle, Stella de Faria
Data 2016
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do sul. Faculdade de Veterinária. Curso de Medicina Veterinária.
Assunto Doencas infecciosas : Felinos
ELISA
Felinos
Imunodeficiencia
Leucemia felina
PCR
Virologia veterinaria : Analises clinicas animal
[en] Feline
[en] Infectious diseases
[en] Microbiology
[en] Viruses diagnostic
Resumo A detecção acurada das doenças infecciosas de felinos causadas pelo FIV (vírus da imunodeficiência felina) e pelo FeLV (vírus da leucemia felina), é uma necessidade marcante no atendimento clínico desses animais. Atualmente, é preconizado que o exame seja realizado em todos os animais que chegam ao consultório para o primeiro atendimento, para que, a partir do resultado, o protocolo vacinal seja pensado de maneira personalizada e as indicações de cuidados específicos passadas aos tutores corretamente. Conta-se, na rotina clínica, com os exames baseados em imunoensaios enzimáticos diretos e indiretos (ELISA); e a nível acadêmico, dispõe-se de metodologias como Western blot, imunofluorescência indireta (IFI), reação em cadeia de polimerase (PCR) e isolamento viral. O presente trabalho tem o objetivo de comparar os resultados dos exames de FIV e FeLV obtidos através de imunoensaio ELISA realizados no LACVet/UFRGS e PCR realizados no Laboratório de Virologia do Instituto de Ciências Básicas da Saúde (ICBS)/UFRGS dos mesmos pacientes. O estudo revelou 29,26% de soropositividade para FeLV e 24,39% para FIV nos testes baseados em imunoensaios enzimáticos superando as prevalências encontradas ao utilizar a técnica de PCR, que foram de 3,38% para FIV e 9,60% para FeLV. Comparando os resultados podemos observar uma diferença importante que deve motivar um estudo comparativo mais amplo e aprofundado para que seja possível determinar a concordância real entre os dois métodos, possivelmente comparando-os aos métodos de diagnóstico considerados padrão ouro para cada vírus.
Abstract The accurate detection of infectious cat diseases, FIV and FeLV, is a great need in the clinical care of these animals. Currently, it is recommended to test all felines that seek medical attention for the first time, so that the immunization protocol is designed in a personalized manner and the specific care instructions passed to the tutors as correctly as possible. The retroviral status of all cats should be known due to the serious health consequences of infection that influence patient management both in illness and wellness care. Routine diagnostic screening relies on snap tests that uses direct and indirect enzymatic immunoassays (ELISA). In academic level, methodologies such as Western Blot, Indirect Immunofluorescence (IIF), Polymerase Chain Reaction ( PCR) and Virus Isolation are available. This study aims to compare the results of FIV and FeLV status obtained by ELISA immunoassay performed in LacVet / UFRGS and PCR from the same patients. The study revealed 29.26 % of seropositivity for FeLV and 24.39 % for FIV which exceeds the prevalence found with the PCR technique (3.38 % for IVF and 9.60% for FeLV). Comparing the results is possible to see an important difference that should motivate a larger study possibly comparing them to the diagnostic methods considered gold standard for each virus in order to determine the actual agreement between the two methods.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/148255
Arquivos Descrição Formato
001000996.pdf (653.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.