Repositório Digital

A- A A+

O impacto do modelo gerencial nas contratações de serviços da área de informática do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul

.

O impacto do modelo gerencial nas contratações de serviços da área de informática do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O impacto do modelo gerencial nas contratações de serviços da área de informática do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Autor Wizer, Marco Aurélio
Orientador Dasso Júnior, Aragon Érico
Data 2016
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Administração.
Assunto Gestão pública
Tecnologia da informação
Resumo O serviço público brasileiro foi receptivo ao avanço da Tecnologia da Informação (TI), até por ser imperiosa a viabilização da crescente demanda de serviços. A TI tornou-se parte essencial das organizações públicas, prestando serviços, externo e interno, e, a partir daí, sua instrumentalização passou a figurar nos orçamentos públicos com considerável percentual. Esta realidade, concretizou-se com investimentos em recursos humanos e materiais orientados pela forma de Estado, pelo modelo de Administração Pública e pelo princípio da legalidade. Em especial, em junho de 1995, o Plano Diretor da Reforma do Aparelho do Estado (PDRAE) foi publicado e a Administração Pública federal passou a implementar o modelo gerencial de administrar. Rapidamente, esse modelo também começou a ser adotado por estados e municípios brasileiros. Neste contexto, formou-se o Departamento de Informática do Tribunal de Justiça do estado do Rio Grande do Sul, onde suas contratações, compreendidas no período entre 2011 e 2015, foram objeto deste estudo. O objetivo geral desta investigação foi identificar as características do modelo gerencial e seu impacto neste Departamento. A análise esteve concentrada nos contratos e seus editais de serviços, buscando identificar as características do modelo gerencial. A importância deste estudo habita em alertar para as consequências da adoção desse modelo exógeno de Administração Pública ao caso brasileiro. Almeja-se, assim, contribuir para futuros estudos de uma Teoria Geral de Administração Pública endógena e transparente.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/148540
Arquivos Descrição Formato
001002756.pdf (1.903Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.