Repositório Digital

A- A A+

Configurações sociohistóricas da equitação no Rio Grande do Sul : uma investigação das redes de interdependência nas práticas esportivas equestres

.

Configurações sociohistóricas da equitação no Rio Grande do Sul : uma investigação das redes de interdependência nas práticas esportivas equestres

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Configurações sociohistóricas da equitação no Rio Grande do Sul : uma investigação das redes de interdependência nas práticas esportivas equestres
Autor Pereira, Ester Liberato
Orientador Mazo, Janice Zarpellon
Data 2016
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano.
Assunto Equitação
Equoterapia
Esporte
Hipismo
História do esporte
[en] Equestrianism
[en] Equestrian sport
[en] Equine-assisted therapy
[en] Golden bridle
[en] History of sport
[en] Shot of Lasso with horse
Resumo Esta tese trata de investigar as configurações das práticas equestres no estado do Rio Grande do Sul, no século XX. A proposição da pesquisa parte da noção de que as práticas tiveram um papel relevante para a história do Rio Grande do Sul, em particular nos campos da sociabilidade, lazer e preservação das culturas. No cenário sul-rio-grandense, a pesquisa dedica atenção ao desenvolvimento das carreiras de cancha reta, do turfe, do hipismo, do tiro de laço, do freio de ouro e da equoterapia. Tais práticas equestres foram conjecturadas por uma perspectiva socio-histórica, cuja análise foi guiada pela categoria ―configuração‖. Esta foi operacionalizada a partir da obra de Norbert Elias, conduzindo o estudo no sentido de compreender o processo de emergência, distinção e as relações de interdependência estabelecidas entre as práticas equestres no estado. A investigação assentou-se na análise de documentos escritos e impressos, os quais foram concebidos enquanto materiais e textos históricos, portadores de mensagens, sentidos e intuitos reservados à sua conjuntura. As fontes revelaram que o processo de desenvolvimento de configurações no cenário equestre sul-rio-grandense sublinhou uma reconstrução da variada e heterogênea rede de interdependências entre os domínios socializadores representados pelas corridas de cavalos, pelo hipismo, pela equoterapia e pelo tiro de laço. De igual forma, as transformações ocorridas no contexto destes domínios socializadores, ao longo do tempo, derivam das relações de interdependência entre os mesmos, nas esferas do trabalho, da cultura, do lazer, do esporte e da reabilitação. Por conseguinte, a noção de configuração entre práticas equestres pode auxiliar a compreender um campo mais amplo de interações e intercâmbios entre os esportes em geral enquanto domínios socializadores.
Abstract This thesis is to investigate the configurations of equestrian practices in the state of Rio Grande do Sul, in the twentieth century. The proposition of the research builds on the notion that the practices had a significant role in the history of Rio Grande do Sul, in particular in the fields of sociability, leisure and preservation of cultures. In the scenario of Rio Grande do Sul, the research devoted attention to the development of straight line horse races, horse racing, equestrianism, shot of lasso with horse and equine-assisted therapy. Such equestrian practices were conjectured by a sociohistorical perspective, whose analysis was guided by the category "configuration". This was operationalized from Norbert Elias work, leading the study in order to understand the process of emergence, distinction and interdependence of relations between the equestrian sports practices in the state. The research was based on the analysis of written and printed documents, which are designed as historical materials and texts, carrying messages, meanings and intentions reserved to their conjuncture. The sources revealed that a configuration development process in Rio Grande do Sul‘s equestrian scene emphasized a reconstruction of the varied and heterogeneous network of independencies between socializing areas represented by the horse racing, equestrian sports, equine-assisted therapy and shot of lasso with horse. Similarly, the changes occurred in the context of these socializing areas, over time, derived from the interrelationship between them, in the spheres of work, culture, leisure, sport and rehabilitation. Therefore, the notion of a configuration between equestrian practices can help understanding a new broader field of interactions and exchanges between the sports in general as socializing areas.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/148775
Arquivos Descrição Formato
001003002.pdf (1.766Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.