Repositório Digital

A- A A+

Da convencionalidade dos gays no cinema, a partir de Highsmith e Ripley : “naturezas” não convencionais

.

Da convencionalidade dos gays no cinema, a partir de Highsmith e Ripley : “naturezas” não convencionais

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Da convencionalidade dos gays no cinema, a partir de Highsmith e Ripley : “naturezas” não convencionais
Outro título The conventionality of gays in the cinema, from Highsmith and Ripley : unconventional “natures”
Autor Silva, Rosimeri Aquino da
Ribeiro, Fernanda Bittencourt
Resumo Este artigo, fundamentado no argumento de Foucault de que nas sociedades do ocidente moderno há a necessidade constante de revelar-se a verdade sobre o sexo, propõe-se a colocar a convencionalidade dos personagens homossexuais no cinema brasileiro em perspectiva com alguns aspectos da biografia e da obra de Patricia Highsmith. A convencionalidade a que nos referimos diz respeito ao imaginário dominante sobre esses personagens que, de forma recorrente, transitam em espaços sociais à margem e apresentam finais infelizes, tendo a morte, a solidão, a punição e/ou a loucura como destinos. Tom Ripley, o principal personagem de Highsmith, destoa desse padrão. Talvez, por isso, a fusão do personagem com sua criadora e as especulações sobre a homossexualidade de ambos sejam, obsessivamente, acionadas pela crítica para explicar tamanha incongruência.
Abstract This article, based on Foucault's argument that, in the societies of the modern West, there is the constant need to prove the truth about sex, proposes to put the conventionality of gay characters in the Brazilian cinema in perspective with some aspects of Patricia Highsmith´s biography and work. The conventionality which we refer to regards to the dominant imagery of these characters who, on a recurring basis, live in the fringe spaces, have unhappy endings, death, loneliness, punishment and / or madness as destinations. Tom Ripley, Highsmith´s main character, deviates from this pattern. Perhaps this is why the fusion of the character with the writer and speculation about their homosexuality are obsessively driven by critics to explain such inconsistency.
Contido em Bagoas : revista de estudos gays. Vol. 9, n.12 (jan./jun. 2015), p. 101-116
Assunto Cinema
Homoerotismo
Homossexualidade
[en] Crime fiction
[en] Homoeroticism
[en] Homosexuals in the cinema
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/148801
Arquivos Descrição Formato
000999098.pdf (273.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.