Repositório Digital

A- A A+

Graduação em saúde coletiva no Brasil : onde estão atuando os egressos dessa formação?

.

Graduação em saúde coletiva no Brasil : onde estão atuando os egressos dessa formação?

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Graduação em saúde coletiva no Brasil : onde estão atuando os egressos dessa formação?
Outro título Survey of undergraduates in collective health in Brazil : where are the public health professionals formed by this?
Autor Lorena, Allan Gomes de
Santos, Liliana
Rocha, Cristianne Maria Famer
Lima, Marcela Soares Silveira
Pino, Michel Reina
Akerman, Marco
Resumo As primeiras turmas de sanitaristas formadas no Brasil em nível de graduação foram concluídas a partir de 2012. Desde então, os egressos e sanitaristas comprometidos com essa formação têm sentido a necessidade de ampliar suas reflexões e os debates acerca da profissionalização na saúde pública/coletiva, coadunando uma série de debates que se instalou na área desde as primeiras ideias sobre a formação de sanitaristas. Este estudo teve como objetivo realizar um levantamento nacional dos egressos da graduação em saúde coletiva no Brasil. A coleta de dados foi realizada por meio de questionários autopreenchidos em ambiente virtual. Por se tratar de uma graduação nova no campo das graduações da área da saúde, esses trabalhadores da saúde gradativamente vêm exercendo atividades profissionais que merecem destaque por ocuparem esses espaços em tão pouco tempo, reconfigurando, talvez, o cenário do cotidiano do trabalho dos serviços de saúde e qualificando as redes de atenção à saúde. Por fim, mantém-se a demanda para novos estudos que acompanhem a criação de novos cursos, potencializando os encontros e criando vínculos reais com os egressos de saúde coletiva com suas universidades.
Abstract The first students of collective health at undergraduate level in Brazil were formed in 2012 and since then they have felt the need to broaden the discussions and debates about the professionalization of the public health. This study aimed to conduct a national survey of graduates in collective health in Brazil. Data collection was performed through interviews in a virtual environment. Because it is a fresh graduate in the field of healthcare graduations, these SUS workers are gradually exercising professional activities that are worth mentioning because they occupy these spaces in such a short time, reconfiguring perhaps the daily scenario of service health and qualifying the healthcare networks. It is up to the universities to stimulate and encourage studies and research in undergraduate and/or graduate from the perspective of the survey of graduates. Finally, we continue with a commitment to map regions that are yet to come for leveraging and creating real links with the collective health graduates with their universities.
Contido em Saúde e sociedade. São Paulo. Vol. 25, n.2 (abr./jun. 2016), p. 369-380
Assunto Egressos
Graduação
Sanitarista : Mercado de trabalho
Saúde coletiva : Ensino
[en] Collective health
[en] Graduates
[en] Survey
[en] Undergraduate
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/148905
Arquivos Descrição Formato
000999396.pdf (207.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.