Repositório Digital

A- A A+

O papel da pesquisa em aquisição de segunda língua na formação do professor de língua estrangeira : apreciações sobre alguns encontros e desencontros

.

O papel da pesquisa em aquisição de segunda língua na formação do professor de língua estrangeira : apreciações sobre alguns encontros e desencontros

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O papel da pesquisa em aquisição de segunda língua na formação do professor de língua estrangeira : apreciações sobre alguns encontros e desencontros
Autor Simões, Luciene Juliano
Resumo Neste artigo, teço algumas considerações acerca da seguinte e importante questão para a pesquisa sobre a aprendizagem de uma segunda língua: dentro de que quadro de pressupostos tal área de pesquisa poderá trazer respostas úteis às questões que se colocam os professores de língua estrangeira com relação a suas práticas? No que toca a pressupostos fundamentais sobre a aquisição da linguagem, é possível traçar um limite de tal forma que, de um lado, estarão abordagens da aquisição que podem ser reunidas sob o rótulo de ‘cognitivistas’ e, de outro, aquelas a que me refiro como ‘sociointeracionais’. O argumento a ser desenvolvido é o de que, considerando tudo o que torna o ensino de uma segunda língua um terreno de reflexão e de teorização educacional, a abordagem mais profícua é aquela advinda de aportes sociointeracionais. A fim de tecer tal argumentação, primeiro reviso estudos cognitivistas da ASL, em seguida reviso estudos sociointeracionais, e, finalmente, procuro comparar as contribuições que dão como guias e recursos para as práticas do professor e como áreas fundamentais na formação do professor.
Abstract In this paper I address the following fundamental question concerning second language learning research: under what set of assumptions it will lead to the most useful answers to the questions FL teachers pose themselves in their practice? As far as fundamental assumptions about acquisition go it is possible to draw a line in such a way that on one side we will have approaches that can be subsumed under the ‘cognitive’ tag, and on the other side we will have approaches that concentrate on social interaction as a key concept. The point to be made is that those approaches that take interaction as the main construct of research are directly relevant for FLT as an area of everday life reflection and of theorizing. For such purpose I will first consider a typically cognitive study of a high empirical standard, a sociocultural study also of high standards, and finally compare them as possible guides or resources for the teacher’s practice and as a fundamental research area for teacher education.
Contido em Calidoscópio. São Leopoldo, RS. Vol. 2, n. 1 (jan./jun. 2004), p. 5-16
Assunto Língua estrangeira : Aquisição
[en] Classroom interaction
[en] Critical period
[en] Second language learning
[en] Teacher education
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/149029
Arquivos Descrição Formato
000437129.pdf (65.18Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.