Repositório Digital

A- A A+

Manejo de Sitophilus zeamais (Col., Curculionidae) em grãos de milho com diferentes materiais genéticos e terra de diatomáceas

.

Manejo de Sitophilus zeamais (Col., Curculionidae) em grãos de milho com diferentes materiais genéticos e terra de diatomáceas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Manejo de Sitophilus zeamais (Col., Curculionidae) em grãos de milho com diferentes materiais genéticos e terra de diatomáceas
Outro título Management Sitophilus zeamais (Col., Curculionidae) in corn grains with differents genetic materials and diathomaceous earth
Autor Fagundes, Henrique Delevati
Orientador Dionello, Rafael Gomes
Data 2016
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Fitotecnia.
Assunto Armazenamento de grãos
Controle
Gorgulho do milho
Inseticida
Manejo de pragas
Pós-colheita
Resumo O Brasil atualmente tem uma produção agrícola de aproximadamente 190 milhões de toneladas de grãos anuais e dentre os principais problemas são as perdas nas etapas de pós-colheita, principalmente no armazenamento desses grãos. Sendo assim, os objetivos deste trabalho foram avaliar os danos e a suscetibilidade dos grãos de milho (Zea mays) ao ataque de Sitophilus zeamais (Col., Curculionidae) e testar a eficácia de diferentes dosagens de terra de diatomácea nas temperaturas de 22 e 30 ºC, em condições de laboratório, para o controle de Sitophilus zeamais em grãos de milho. Os experimentos foram realizados no Laboratório de Pós-Colheita e Armazenagem do Departamento de Fitossanidade da Faculdade de Agronomia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. No primeiro experimento foram realizadas as análises de sobrevivência e mortalidade de insetos, umidade do grão, massa específica, peso de mil grãos, microbiológica, tecnológica, proteína, extrato etéreo, matéria mineral e acidez. No segundo experimento foram executadas as analises de umidade do grão, massa específica, variação de massa seca e sobrevivência, mortalidade e emergência de insetos. Os híbridos de milho Dekalb e Syngenta apresentaram os menores índices de suscetibilidade a esta praga. O híbrido Pionner é o mais suscetível ao ataque de S. zeamais em grãos de milho. Na temperatura de 22 °C ocorreram reduções na mortalidade em todas as doses avaliadas, ao longo do armazenamento. Na temperatura de 30 °C ocorreu aumento na mortalidade em todas as doses avaliadas, ao longo do armazenamento. Os resultados obtidos permitem concluir que os híbridos de milho Dekalb e Syngenta apresentam a menor suscetibilidade ao ataque de S. zeamais. O híbrido Pioneer apresenta o maior nível de suscetibilidade a esta praga. No experimento, os resultados permitiram concluir que na temperatura de 22 °C ocorreram reduções na mortalidade em todas as doses avaliadas, ao longo do armazenamento. Na temperatura de 30 °C ocorreram aumento na mortalidade em todas as doses avaliadas, ao longo do armazenamento.
Abstract Brazil currently has an agricultural production of approximately 190 million tons of grain annually and among the main problems are the losses in the stages of post-harvest, particularly in storing grains. Thus, the objectives of this study were to evaluate the damage and the susceptibility of grains of maize (Zea mays) to Sitophilus zeamais attack (Col., Curculionidae) and test the efficacy of different dosages of diatomaceous earth in temperatures of 22 and 30 °C in laboratory conditions, for the control of Sitophilus zeamais in corn kernels. The experiments were conducted at the Laboratory of Postharvest and Storage Department of Plant Protection of the Faculty of Agronomy of the Federal University of Rio Grande do Sul. In the first experiment were performed survival analysis and mortality of insects, grain moisture, density, thousand kernel weight, microbiological, technology, protein, ether extract, ash and acidity. In the second experiment were performed the grain moisture analysis, density, dry weight change and survival, mortality and emergency insects. The Dekalb corn hybrids and Syngenta had the lowest rates of susceptibility to this pest. The hybrid Pioneer is more susceptible to insects of the species Sitophilus zeamais in corn kernels. At 22 °C there were reductions in mortality in all studied doses during storage. At 30 °C increase in mortality occurred at all doses evaluated, during storage. The results showed that in Experiment 1 corn hybrids Dekalb and Syngenta had the lowest susceptibility to attack the species Sitophilus zeamais. The hybrid Pioneer had the highest level of susceptibility to this pest. In the experiment, the results showed that at 22 °C there were reductions in mortality in all evaluated doses during storage. At 30 °C increase in mortality occurred at all doses evaluated, during storage.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/153286
Arquivos Descrição Formato
001012042.pdf (734.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.