Repositório Digital

A- A A+

Gerenciamento de resíduos no Laboratório Farmacêutico do Estado do Rio Grande do Sul (LAFERGS) como contribuição para a otimização da produção de medicamentos

.

Gerenciamento de resíduos no Laboratório Farmacêutico do Estado do Rio Grande do Sul (LAFERGS) como contribuição para a otimização da produção de medicamentos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Gerenciamento de resíduos no Laboratório Farmacêutico do Estado do Rio Grande do Sul (LAFERGS) como contribuição para a otimização da produção de medicamentos
Outro título Management of waste at the pharmaceutical laboratory of the state of Rio Grande do Sul (LAFERGS) as a way of contributing for the optimization of drug production
Autor Azevedo, Sandra Maria Zulian de
Orientador Spalding, Silvia Maria
Co-orientador Kliegerman, debora
Data 2008
Nível Mestrado profissional
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Farmácia. Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas.
Assunto Gerenciamento de resíduos
Indústria farmacêutica
Laboratório Farmacêutico do Estado do Rio Grande do Sul.
Producao de medicamentos
Produção mais limpa
Sistema de produção : Otimização
[en] Cleaner production
[en] Drug production optimization
[en] Pharmaceutical industry
[en] Waste management plan
Resumo O gerenciamento adequado de resíduos na indústria farmacêutica demonstra preocupação com a questão ambiental, a saúde pública e o combate ao desperdício. O objetivo desta dissertação foi contribuir para a otimização da produção de medicamentos no LAFERGS, mediante o gerenciamento de resíduos e, desta forma, colaborar para a melhoria da qualidade ambiental e da vida da população. A metodologia deste trabalho baseou-se na pesquisa bibliográfica para o embasamento teórico, na pesquisa documental em legislações relacionadas ao tema, em estudo de caso realizado no LAFERGS, no período de setembro de 2003 a agosto de 2004, para identificar os resíduos gerados e na elaboração do Plano de Gerenciamento de Resíduos (PGR). No estudo de caso foram caracterizados os resíduos químicos e recicláveis das atividades dos setores de produção e controle de qualidade de medicamentos, bem como os resíduos comuns recicláveis e não recicláveis gerados nas demais áreas do laboratório. O estudo forneceu dados para a elaboração do PGR e para melhorias no processo produtivo. Conclui-se que os resíduos químicos gerados na produção, no controle de qualidade e nos almoxarifados, são enquadrados no grupo B. Classificados como D estão os resíduos comuns, recicláveis e não recicláveis, resultantes das atividades industriais, administrativas, de refeitório, de sanitários e de jardinagem. Materiais perfurocortantes, como vidraria de laboratório quebrada, lâminas e lamínulas, classificam-se no grupo E. Não existe geração de resíduos do grupo C, que são os radioativos. Como contribuição para a otimização da produção indica-se a modernização tecnológica do laboratório, a efetiva implantação de um sistema de garantia da qualidade e a busca de maior agilidade e autonomia administrativo-financeira e a implantação do PGR com a adoção de técnicas de produção mais limpa e minimização da geração de resíduos.
Abstract The suitable management of waste in the pharmaceutical industry shows the concern for issues related to the environment, public health and the fight against waste. The purpose of this dissertation was to contribute for the optimization of drug production at LAFERGS (Pharmaceutical Laboratory of Rio Grande do Sul), through the management of waste and, in this way, to work together for the improvement in the quality of the environment, as well as the life of the population. The methodology is based on bibliographic research for theoretical grounding, in document research on legislation related to the theme, on a case study performed at LAFERGS, from September 2003 to August 2004, to identify the waste generated, and in the development of the Waste Management Plan (WMP). In the case study the chemical and recyclable waste from the drug production and quality control sector activities were characterized, as well as the common recyclable and non-recyclable waste generated in other areas of the laboratory. The study supplied data for the development of the WMP and for improvement in the productive process. It was concluded that the chemical waste generated in production, quality control and in the warehouses, fit within Group B. Common, recyclable and non-recyclable waste resulting from industrial and administrative activities, as well as from the cafeteria, restrooms and garden are classified as Group D. Cutting materials, such as broken laboratory glassware, blades and micro slides are classified in Group E. There is no management process for waste in Group C, made up of radioactive materials. Technological modernization of the laboratory, the effective implementation of a quality assurance system and the search for greater flexibility and administrative-financial autonomy, along with the implementation of the WMP, with the adoption of cleaner production techniques, and a reduction in the generation of waste, are all indicated as forms of optimizing production.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/15498
Arquivos Descrição Formato
000683370.pdf (1.064Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.