Repositório Digital

A- A A+

Controle de custos de implantes ortopédicos para coluna lombar por operadoras de planos de saúde

.

Controle de custos de implantes ortopédicos para coluna lombar por operadoras de planos de saúde

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Controle de custos de implantes ortopédicos para coluna lombar por operadoras de planos de saúde
Autor Jardim, Diana Indiara Ferreira
Orientador Rosa, Roger dos Santos
Data 2008
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Especialização em Gestão em Saúde.
Assunto Gestão em saúde
Implantes ortopédicos
Planos de saúde
[en] Health administration
[en] Health insurance companies
[en] High cost materials.
[en] Orthoses
[en] Prostheses and special materials
Resumo Este trabalho busca relatar diferentes formas de controle de custos de implantes ortopédicos para coluna lombar por operadoras de planos de saúde. Foram aplicados questionários em diferentes modalidades de operadores, e relacionados com a literatura disponível sobre o assunto. Há a tentativa de identificar os fatores que desencadeiam a negociação de OPMs (Órteses, Próteses e Materiais Especiais) por parte das operadoras de saúde, como por exemplo a curva ABC dos materiais, a demanda dos procedimentos cirúrgicos, ou mesmo se não existem critérios. Conflitos de interesse sobre tabelas de referência, como Simpro e Brasíndice, o relacionamento dos fornecedores com médicos, hospitais e/ou operadoras é discutido e mencionado pelos gestores entrevistados, bem como recursos de sensibilização do médico assistente e dos beneficiários para uma possível troca por material similar com custo inferior. Apesar de não identificada uma sistemática “ideal” de controle de custos de implantes ortopédicos para coluna lombar por parte das operadoras de saúde, foi possível apresentar algumas práticas e descrever diversos fatores agravantes dos altos preços pagos por esses (e outros) insumos.
Abstract This report seeks different ways to control costs of orthopedic implants for lumbar spine by Health Insurance Companies. Questionnaires were applied in different forms of Health Insurance Companies, and related to the available literature about the subject. There is an attempt to identify the factors that trigger the negotiation of OPMs (Órteses, prostheses and Special Materials) by the Health Insurance Companies, such as ABC curve of materials, the demand for surgical procedures, or even if there is no criteria. Conflicts of interest on scales of reference, such as Simpro and Brasíndice, the suppliers' relationship with doctors, hospitals and / or operators is discussed and mentioned by the managers interviewed, and resources to raise awareness of the doctor and beneficiaries for a possible exchange for similar equipment with lower cost. Though not identified an "ideal" systematic to control costs of orthopedic implants for lumbar spine by the Health Insurance Companies, it brings some practices and describe a variety of aggravating factors of high prices paid for these (and other) inputs.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/15625
Arquivos Descrição Formato
000678192.pdf (396.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.